Exposição em Caxias apresenta 12 esculturas em cerâmica de artistas gaúchos - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 

Escultura12/12/2018 | 08h00Atualizada em 12/12/2018 | 08h00

Exposição em Caxias apresenta 12 esculturas em cerâmica de artistas gaúchos

Mostra abre ao público nesta sexta, no Centro de Cultura Ordovás

Exposição em Caxias apresenta 12 esculturas em cerâmica de artistas gaúchos Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Utilizada desde os primórdios da arte escultórica, a técnica da cerâmica resiste à passagem do tempo, seja pela maleabilidade da argila ou pelas inúmeras possibilidades de resultado — o material permite desde a confecção de peças figurativas às formas mais abstratas. E é justamente esse universo criativo que ganha destaque a partir desta sexta-feira (14) no Centro de Cultura Ordovás, em Caxias do Sul, com a exposição de esculturas de cerâmica do Acervo Municipal de Artes Plásticas (Amarp).

Ao todo, serão expostas 12 peças produzidas desde a década de 1970 por artistas como Adma Corá, Ana Berenice Hubner Flores, Ale Amorin, Bruno Segalla, Breno Nora, C.L.A., Daniela Antunes, Jucelda Fedrizzi, Maia e Nilton, Rose Spinato e Zezé Kronbauer. Para além de eventuais semelhanças ou diferenças entre as obras, a curadoria de Mona Carvalho buscou uma linha em comum: o material utilizado na confecção.

— É uma curadoria simples, pois a gente focou na temática da cerâmica. Ou seja, a seleção dos artistas foi quase automática: buscamos aqueles que trabalham com esse material. Por isso, as obras não têm, necessariamente, uma linha de diálogo entre si, apenas as inúmeras possibilidades visuais que a cerâmica oferece — explica a curadora, que também coordena a Unidade de Artes Visuais da Secretaria da Cultura.

A visitação é gratuita e segue até 27 de janeiro, incluindo finais de semana.

Amarp

Criado para preservar a produção artística de Caxias do Sul, o Acervo Municipal de Artes Plásticas (Amarp) abriga mais de 2 mil obras, entre esculturas, xilogravuras, fotografias e pinturas. Com sede no Ordovás, o acervo fica armazenado em uma sala técnica com controle de umidade e temperatura — tudo para garantir a conservação dos itens, que além da visitação do público, também é disponibilizado para curadorias de professores e estudantes de cursos superiores no campo artístico.

— Nós queremos circular com o nosso acervo, com a ideia de buscar novos olhares e novas curadorias. Somente neste ano foram cinco exposições organizadas a partir das peças do Amarp. Queremos que as pessoas conheçam o que temos aqui — ressalta Mona.

Para visitação de grandes grupos, como turmas escolares e universitárias, é necessário agendamento prévio pelo telefone (54) 3901-1316.

PROGRAME-SE
O quê:
abertura da exposição de esculturas de cerâmica do Amarp.
Quando: nesta sexta (14), às 19h.
Onde: Sala de Exposições do Centro de Cultura Ordovás (Rua Luiz Antunes, 312), em Caxias do Sul.
Quanto: entrada gratuita.
Visitação: até 27 de janeiro; de segunda a sexta, das 9h às 22h; finais de semana e feriados, das 16h às 22h.

Leia também:
Parque Olivas de Gramado abre nesta terça
Agenda: Fabiano Mazzotti lança "O Livro do Capitel", na quinta
Fotógrafa Liliane Giordano lança linha exclusiva de tênis

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros