Prático e saboroso, flamery de laranja carrega aromas de infância - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Pitadas de Sabor12/10/2018 | 12h00Atualizada em 12/10/2018 | 12h00

Prático e saboroso, flamery de laranja carrega aromas de infância

Sobremesa é preparada pela família de Lissandro Satallivieri há quatro gerações

Prático e saboroso, flamery de laranja carrega aromas de infância Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Bastam poucos minutos de fervura para que o inconfundível aroma das laranjas frescas tome conta da cozinha. É um aviso de que o flamery está quase pronto. Unindo sabor e praticidade, a sobremesa é uma tradição que acompanha a família do caxiense Lissandro Stallivieri há quatro gerações. 

Toda essa história começou no interior de Farroupilha, com a bisavó Maria Bartelli Tonet, numa época em que poucos alimentos eram comprados nos armazéns — somente o que não era produzido na horta de casa. Aliás, a simplicidade da receita é resultado desse contexto: a base do flamery requer apenas suco de laranja, amido de milho e açúcar.

— Todas as receitas que minha avó, dona Zelinda, preparava eram muito legais e eu, que convivia muito com ela na cozinha, acabava sempre ajudando de alguma forma. Uma das lembranças que tenho é assisti-la avó desenformando o flamery e fazendo a redução de vinho, que também tem um aroma especial — recorda Lissandro.

Além do nostálgico aroma de infância, a história da sobremesa carrega outras peculiaridades. As laranjas utilizadas no preparo do doce são colhidas no quintal, um verdadeiro refúgio verde em meio aos prédios da região central de Caxias. As duas laranjeiras, que sempre ficam carregadas, foram plantadas há mais de 70 anos pelo avô, um imigrante italiano que veio para o Brasil em 1927 em busca de oportunidades e melhores condições de vida.

— Tenho muito apreço pela história da família. Por isso a gente manteve muitos móveis originais, assim como o jardim. Essas laranjeiras foram plantadas pelos meus avós e continuam dando fruto, aquelas laranjas bem comuns, com ferrugem na casca. Então todo ano, na época das laranjas, a gente faz essa receita toda semana. É uma maneira de aproveitar a fruta da estação, além de ter todo esse apego sentimental, sabendo que foi meu avô que plantou.

A mãe de Lissandro, Leda, também guarda recordações de infância relacionadas ao flamery. E não só pelo sabor, que inevitavelmente resgata as memórias afetivas da vida no interior, mas também pelos utensílios que são utilizados no preparo da receita: as xícaras usadas como tijelinhas para o doce são testemunhas da história da família.

— Hoje tem os copinhos descartáveis, que facilitaria muito o trabalho para desenformar, mas a tradição é de colocar nas xícaras de cafezinho. A gente também preserva esse costume. Esse aqui a minha sogra ganhou de casamento — diz Leda, mostrando um delicado jogo de porcelanas, mais uma prova de que as receitas de família carregam muito mais do que sabor.

RECEITA
Rendimento: 10 porções.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL, 27/09/2018 - Pitadas de Sabor 05 apresenta a receitade Flamery de laranja. a sobremesa foi preparada por Lissandro Stalivieri e sua mãe, Leda Stalivieri. (Marcelo Casagrande/Agência RBS)
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Ingredientes
Para o flamery
3 xícaras de suco de laranja
3 colheres rasas de maisena
açúcar a gosto

Para a calda
3 xícaras de vinho tinto
9 colheres de açúcar
canela e cravo a gosto

Modo de preparo
1. Adoce o suco com o açúcar conforme seu gosto.
2. Despeje o líquido em uma panela e leve ao fogo. Reserve um pouco do suco fora da panela apenas para diluir a maisena.
3. Quando estiver fervendo, despeje a mistura do suco com a maisena. Misture sem parar por poucos minutos.
4. Distribua a mistura em pequenas tijelinhas molhadas (para que, depois de fria, você consiga desenformá-la).
5. Para a calda, misture todos os ingredientes em uma panela e leve ao fogo.
6. Ferva por 15 minutos e depois jogue por cima das tijelinhas.

Leia também:
"Nasce uma estrela" e outras estreias para assistir no cinema neste feriado na Serra
3por4: saquinhos retornáveis em loja de Caxias ganham clientes
Agenda: 7º Sound Vision inicia nesta sexta e segue até domingo, em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros