Frei Jaime: o fio condutor - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião26/10/2018 | 06h00Atualizada em 26/10/2018 | 06h00

Frei Jaime: o fio condutor

A sexta-feira reúne o somatório dos demais dias

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! O dia vai recebendo claridade e convidando para que todos se ergam para dar conta das muitas oportunidades reservadas para hoje... A sexta-feira reúne o somatório dos demais dias... o cansaço não deixa de dar sinais.... Na normalidade dos sentimentos, o desejo de muita paz para este dia! Vamos que vamos! 

"Não se compare. Não arrume motivos para se sentir maior ou menor do que ninguém. Seja só você." (Matheus Rocha). 

O cotidiano é o palco onde as relações humanas vão intercalando as suas diversas facetas. Altos e baixos se alternam, tentando excluir a monotonia. Um fio condutor deveria, a todo instante, proporcionar aprendizados e lições. A vida é um acontecimento cheio de detalhes, que supõe encaminhamentos diários para que a meta não escape do olhar. Harmonizar a própria interioridade é uma tarefa que necessita de habilidade, tempo e criatividade. São poucos os que vivem com leveza.

A grande maioria sempre tem alguma insatisfação para verbalizar. Um desafio de grandes proporções é, no entanto, a convivência: não é fácil perenizar laços que sejam capazes de mesclar respeito, alegria e fraternidade. O amor pode conservar unidos os diferentes, basta que não haja comparações. Ninguém deveria procurar motivos para sentir-se maior ou menor do que os demais. A dignidade pode proporcionar pertença mútua, confirmando o valor dos diferentes dons, presentes na individualidade. A insistência em fazer comparações pode interferir na autoestima. 

A maior parte das pessoas que se sentem inferiores são aquelas que desconhecem o próprio potencial. Há verdadeiros talentos escondidos atrás da timidez ou da acomodação. O jeito de ser dos outros  pode desencadear um processo de crescimento, quando o olhar é capaz de captar o esforço que esta pessoa empreendeu para chegar onde chegou. Muitas histórias de superação podem inspirar caminhos inusitados. O importante é não perder tempo com comparações, evitando, assim, o surgimento da inferioridade. A tarefa é simples: seja só você. 

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço  

Leia também:  
Agenda: Festival Independente de Teatro inicia neste domingo, em Caxias
3por4: Meghan Markle usa tênis produzido em Campo Bom, no RS 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros