Confira cinco dicas para ter um escritório confortável e funcional em casa  - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Almanaque05/10/2018 | 14h15Atualizada em 05/10/2018 | 14h15

Confira cinco dicas para ter um escritório confortável e funcional em casa 

Trabalhar no conforto do lar requer um espaço bem iluminado e tranquilo

Confira cinco dicas para ter um escritório confortável e funcional em casa  Marcelo Donadussi/Divulgação
Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

Trabalhar em casa requer um espaço bem iluminado e tranquilo, onde você possa se concentrar sem se distrair com as atividades domésticas. Das cores da parece à mesa mais adequada, o décor faz a diferença para ter um escritório mais funcional e confortável.

Confira cinco dicas para quem quer organizar um gabinete novo: 

Ter um espaço isolado é fundamental

Para a concentração em períodos longos, o ideal é estar longe do que pode trazer distração. Por isso, um home office deve estar afastado ou ter a possibilidade de ser isolamento dos espaços de lazer e descanso, como sala, TV, cozinha e quarto. Ter uma bancada de trabalho na sala funciona mais para poucas horas de uso.

Garanta uma fonte natural de luz

Embora seja necessária uma iluminação artificial eficiente, como lâmpadas de led no teto e uma boa luminária de bancada, a luz natural permite a ativação do ciclo circadiano, que protege os olhos e auxilia na regulagem do sono.

Vista-se para trabalhar e crie uma rotina

É essencial tirar o clima de domingo do seu home office. Para isso, estabeleça uma rotina de horários e postura para o trabalho, como se fosse sair de casa.

Preste a atenção na ergonomia

Invista em uma mesa com dimensões adequadas _ a mesa deve ter até 75 centímetros de altura. A cadeira precisa ser confortável, adequada à sua estatura: a dica é optar por um modelo regulável. Nunca trabalhe no sofá. 

Prefira cores neutras

Invista em os tons neutros e evite cores vibrantes, como amarelo, vermelho ou verde, justamente por trazerem uma sensação de agitação. Fica cansativo para períodos de trabalho muito longos, além de serem reflexivos demais com algumas intensidades de luz. E ainda podem distorcer o resultado de quem trabalha com elementos gráficos ou com cores.

Leia também
3por4: Raquel Pedroni desenvolve consultoria de personal chef 
3por4:  livro infantil "O mundo de Nini - A menina das Flores" é escolhido entre os finalistas do Troféu Minuano de Literatura    

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros