Frei Jaime: o sol lá fora - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião28/06/2018 | 05h00Atualizada em 28/06/2018 | 05h00

Frei Jaime: o sol lá fora

É um privilégio poder revisitar o ontem para relembrar a simplicidade que envolvia as brincadeiras, os passeios, as festas e a vida escolar

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! A vida acontece na mesma disposição que impulsiona o recomeço... Como é bom poder recomeçar, saltando alegremente para os compromissos diários... Permitir a preguiça é desperdiçar energia e tempo... Muito ânimo para este novo dia! 

"Na infância, bastava o sol lá fora e o resto se resolvia." (Fabrício Carpinejar). 

É um privilégio poder revisitar o ontem para relembrar a simplicidade que envolvia as brincadeiras, os passeios, as festas e a vida escolar. O pouco tinha um sabor indescritível, o que era corriqueiro trazia consigo um certo glamour. Não se trata de relativizar o hoje em relação ao passado. O diferencial estava na capacidade de encantar-se com pequenos detalhes. A maior festa acontecia na interioridade de cada um, mesmo que a exterioridade fosse sem muito colorido. 

O advento das várias tecnologias permitiu conhecer o desconhecido: tudo pode ser visualizado, a imaginação não precisa fazer praticamente nenhum esforço. A possibilidade de fazer comparações serve de estímulo até para valorizar os significativos decorrentes destes novos tempos. Por outro lado, fica a impressão de que a insatisfação ganha sempre novas proporções. As mil oportunidades da vida já não são festejadas e saudadas efusivamente. Até as crianças parecem não vibrar como brinquedo recém recebido, pois já estão pensando num 'novo lançamento'. A

 infância da grande maioria foi simples, as brincadeiras eram envolventes, as risadas terminavam em lágrimas: chorar de tanto rir, os brinquedos tinham o toque artesanal. Sim, bastava o brilho do sol e o restante acontecia artisticamente. A insatisfação parece estar adoecendo muitas pessoas. Os entendidos em dar palpites em relação ao amanhã já estão acenando para a simplificação da vida. As mesas já não terão quantidades e diversidades, o cardápio será mais simples. A intensidade se dará no relacionamento humano. Ter menos coisas para ter mais amor. O sol continua brilhando, mas nem todos percebem. Correr menos e viver mais: esse é o segredo válido para todos os tempos. 

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraços!    

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros