Frei Jaime: a leveza advinda da confiança - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião05/06/2018 | 06h00Atualizada em 05/06/2018 | 06h00

Frei Jaime: a leveza advinda da confiança

A grandiosidade do viver vai se manifestando através das pequenas coisas de cada dia

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Viver a normalidade é muito bom... Estar preparado para acolher e enfrentar contratempos, é necessário... Vamos que vamos! Mais um dia em nossa vida! O que fazer com esta nova jornada,  depende dos sonhos, das buscas, da persistência.... Em frente, sempre! 

"Confiar não é saber tudo sobre alguém. É não precisar saber."

A grandiosidade do viver vai se manifestando através das pequenas coisas de cada dia. Sentir a vida e prospectar um caminho de crescimento é algo a ser escolhido cotidianamente. A confiança é essencial para ofertar a serenidade que o coração tanto necessita. Sem confiança, a vida não evolui, os dias se tornam cinzentos, o amanhã se faz incerto. A desconfiança não prejudica apenas a outra pessoa, mas fragiliza a própria paz interior. O número de pessoas inseguranças, justamente porque não confiam em ninguém, aumenta dia após dia.

É bem verdade que o mundo, em sua complexidade, parece esconder, em cada canto, algo obscuro, com segundas intenções. A confiança é uma construção que proporciona segurança e alegria. Até a espontaneidade depende muito da confiança, pois sem ela fica mais difícil estar em todos os ambientes, de forma leve, sem precisar cuidar excessivamente com as palavras que serão pronunciadas. Quem confia na outra pessoa, não precisa saber todos os detalhes da sua vida, principalmente no que diz respeito ao seu passado. Confiar é não precisar saber, pois o que importa é a pessoa, naquele exato momento. 

O ontem é feito de tudo um pouco, mas é ontem. Todos carregam consigo alguns detalhes que ficaram registrados. A superação dos próprios erros renova o hoje e projeta um amanhã repleto de possibilidades. Quanta gente vivendo desconfortavelmente só pelo fato de desconfiar do ontem da outra pessoa. Ninguém sai perdendo ao confiar em alguém. Uma vida feliz passa pelos laços da confiança. É um alívio não precisar saber do ontem daqueles que, neste exato momento, são tão queridos. Saber conviver é uma forma sutil de conservar a alegria e multiplicar a paz. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria. Abraços!     

Leia também
Confira concursos abertos no RS: salários chegam a 16 mil
Venda de gás deve normalizar somente na sexta-feira em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros