Marcello Caminha lança show comemorativo de 10 anos do álbum "Influência" nesta sexta-feira, em Caxias - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Música17/05/2018 | 10h00Atualizada em 17/05/2018 | 10h00

Marcello Caminha lança show comemorativo de 10 anos do álbum "Influência" nesta sexta-feira, em Caxias

Violonista revisita o principal trabalho da sua carreira no Teatro Pedro Parenti, às 20h

Marcello Caminha lança show comemorativo de 10 anos do álbum "Influência" nesta sexta-feira, em Caxias Divulgação/Caminha Produções Artísticas
Músico tem se dividido entre os palcos e as aulas do curso online de violão gaúcho que lançou no início deste ano Foto: Divulgação / Caminha Produções Artísticas

Desde que se dedicou a formatar e ministrar um curso online de violão gaúcho, as aparições de Marcello Caminha nos palcos têm sido cada vez menos frequentes, quase raras. Esse é mais um motivo para conferir o show que o violonista, vencedor de cinco troféus açorianos (Compositor e Instrumentista), fará sexta-feira no Teatro Pedro Parenti, em Caxias do Sul. A apresentação em trio, com Marcello Caminha Filho (baixo) e Marquinhos Molinari (bateria), abrirá uma série de shows comemorativos aos 10 anos do álbum Influência, o mais representativo da carreira do violonista de Bagé, e que também dá nome ao show. 

Ao falar sobre o álbum, Caminha ressalta que Influência foi o seu primeiro trabalho autoral, após ter gravado clássicos do regionalismo, tangos e músicas natalinas. Independente, vendeu cerca de 5 mil cópias. 

Programe-se
O quê:
show Influência 10 Anos, de Marcello Caminha
Quando: sexta-feira, às 20h
Onde: Teatro Pedro Parenti, na Casa da Cultura
Quanto: os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia entrada).  

— Esse trabalho merece comemoração porque foi o que me levou a outros estados e a outros países, como Portugal. Além de ser o primeiro trabalho autoral, também é um disco em que eu trago uma nova forma de tocar violão, mais direcionada para o trabalho solo, sem acompanhamentos. Como ele está esgotado nas lojas, é bacana salientar que hoje ele pode ser ouvido no Spotify — destaca Caminha. 

Além das principais músicas de Influência, como Pantaneira e Flor de Campo, o violonista irá interpretar músicas de outras fases da carreira, inclusive algumas do primeiro registro em que explorou a veia de cantor, Imagens (2013). 

— O show é basicamente instrumental e solo de violão, mas a gente se obriga a cantar pelo menos duas ou três músicas que o pessoal pede — acrescenta. 


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros