Frei Jaime: que a coragem seja a inspiração para inusitados voos - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião24/05/2018 | 06h30Atualizada em 24/05/2018 | 06h30

Frei Jaime: que a coragem seja a inspiração para inusitados voos

É encantador ver as aves abrindo suas asas e alcançando alturas, praticamente tocando o céu

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Enquanto o dia lá fora vai amanhecendo, também vou amanhecendo dentro de mim... É importante perceber o amanhecer da esperança, da paz, do otimismo, do desejo de fazer o bem... Não vale a pena começar o dia sonolento... o segredo é iluminar-se... Vamos lá! 

"Até um par de asas pode se tornar um peso quando falta coragem." (Zack M.). 

É encantador ver as aves abrindo suas asas e alcançando alturas, praticamente tocando o céu. O ser humano é possuidor de outros tipos de asas. Ele é capaz de elevar-se, sem tirar os pés do chão. Porém, para voar é necessário ter muita coragem. Sempre foi mais fácil ficar acomodado, encolhido, sentado numa arquibancada fria, apenas assistindo o que os outros estão edificando. Quando o ser humano quer, ele levanta voo e faz acontecer, ao ponto de surpreender-se. A coragem não nasce do acaso, mas de uma serena pré-disposição interior: é imprescindível querer ter coragem. Para alcançar a necessária coragem, o ponto de partida é trabalhar-se, retocar determinadas arestas, reavaliar algumas mazelas e reabastecer o otimismo. 

Não são poucas as pessoas que têm asas e não se arriscam voar. As desculpas são sempre as mesmas: acabam afirmando para si mesmas que é difícil e que não dará certo. As asas não pesam, pelo contrário, garantem leveza ao ser. Ter asas é ser capaz de chegar ao infinito. Alcançar o impossível é uma autodeterminação, uma construção diária, uma forma sutil de crescimento pessoal. O número de pessoas que passa os dias de braços cruzados é assustador: entre os quais estão muitos jovens detentores de grandes talentos. É bem verdade que a vida não é fácil, mas nem tão difícil. O momento de abrir as asas é agora. Ficar esperando é perda de tempo, além de amargar decepções. Que a coragem seja a inspiração para inusitados voos. 

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraços! 

Leia também:
CIC de Caxias do Sul quer candidatos pés no chão
Ex-vereador Adelino Teles filiou-se no PSD
Pela primeira vez, prefeito de Caxias do Sul defendeu a alteração da data da Festa da Uva

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros