Frei Jaime: a Grandeza de Deus - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião06/05/2018 | 06h00Atualizada em 06/05/2018 | 06h00

Frei Jaime: a Grandeza de Deus

A sintonia entre a criatura e o Criador qualifica a vida e permite que as soluções sejam em maior número do que os problemas

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! O domingo é aguardado por todos... Dia de encontros, família, amigos... todos ao redor da mesa, sem muita pressa... à tarde, um soninho mais prolongado... É bom viver o domingo... Mas é também muito bom ser domingo para as outras pessoas... Que este dia seja abençoado! Amém! 

"Nós pensamos que o nosso problema é grande e esquecemos a grandeza de Deus." 

A sintonia entre a criatura e o Criador qualifica a vida e permite que as soluções sejam em maior número do que os problemas. Todos se preocupam em tomar distância das dificuldades, mas nem todos se colocam diante de Deus para perceber as ‘dimensões’ do amor d'Ele para conosco. O olhar está direcionado aos obstáculos, distante da realidade divina. Pensando bem, os filhos não conhecem o Pai. A pouca intimidade com Deus, cria distanciamento e implica na fragilidade da própria fé. Conhecer Deus é importante, mas o determinante está na experiência que fazemos do Transcendente. Deus não pode ser restrito ao cérebro, às definições e entendimentos. 

Ele é vida e quer se misturar com o nosso cotidiano. Deus jamais conhecerá distância, pois sua especialidade é estar sempre presente. Ficar perto de Deus é condição para ver, de forma realista, os problemas e encaminhar as respectivas soluções. Quanto mais distante de Deus, com certeza, maiores serão os problemas. Porém, não se trata de ficar perto de Deus para não ter angústias e sofrimentos. A proximidade para com Deus é questão de felicidade, de realização, de sintonia. A espiritualidade se sustenta pela experiência. Para ser plenamente criatura é necessário conhecer e reconhecer o Criador. 

Num mundo de tanta velocidade, poucos conseguem parar e ficar aos pés de Deus para assimilar o seu infinito amor. A contemplação deveria ser a oração mais frequente, o diálogo mais profundo, o amor mais puro. O exercício intelectual de desvendar os desígnios de Deus é importante mas, num determinado momento, é necessário acalmar as perguntas para saborear as respostas. Que o amor de Deus estabilize o ânimo, renove a esperança, multiplique a alegria e aumente a esperança. O melhor caminho é amar a Deus para ter a necessária força para encaminhar solução aos problemas e adversidades. Deus é amor, mesmo. 

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraços!

Leia também  
Padre Ezequiel Dal Pozzo é suspeito de ter agredido ex-namorada em Caxias do Sul
Vereador barrado em escola registra BO contra Secretaria Municipal de Educação de Caxias
Após denúncia de pais e professores, comissão faz visita a quatro escolas infantis em Caxias do Sul
Projeto de reconstrução de asilo que pegou fogo em Vacaria não saiu do papel

ms -->
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros