Curta caxiense "O Dia Seguinte" estreia nesta quarta - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Cinema09/05/2018 | 11h15Atualizada em 09/05/2018 | 11h31

Curta caxiense "O Dia Seguinte" estreia nesta quarta

Produção foi custeada via Financiarte

Curta caxiense "O Dia Seguinte" estreia nesta quarta Rayza Roveda/Divulgação
Marcelo Casagrande é o protagonista do filme de 24 minutos Foto: Rayza Roveda / Divulgação

O silêncio é um dos elementos mais importantes do curta-metragem caxiense O Dia Seguinte, custeado via Financiarte e com sessão de estreia marcada para esta quarta, na Sala de Cinema Ulysses Geremia. Roteirizado a partir de uma história real contada por um amigo do diretor, Mateus Frazão, o filme acompanha um protagonista reprimido pela dor de uma tragédia familiar. O ator Marcelo Casagrande encarou o desafio de exprimir a condição do personagem utilizando recursos de uma atuação introspectiva e naturalista. 

– Não queria usar flashbacks ou narração para explicar a história, precisávamos que o drama fosse sentido no personagem, dependia muito da atuação. Falei para o Marcelo que o drama estaria no silêncio dele, na dor – comenta Frazão, também diretor dos curtas Ia Dizer Que Voltei e Jazigo.  

Não há como detalhar o roteiro de O Dia Seguinte sem estragar a história, mas pode-se dizer que o protagonista precisa resolver uma questão urgente e de ordem prática, ao mesmo tempo que lida com o peso de uma situação que só é compreendida pelo espectador a partir de uma revelação específica. O curta de 24 minutos foi filmado em seis diárias e boa parte dele se passa dentro de um carro em movimento. 

– Tínhamos uma estrutura bem limitada em termos de set. Na maior parte das cenas, dentro do carro, estavam só o Marcelo, o operador de câmera, o operador de áudio e eu. O resto da equipe acabava tendo de nos esperar – conta Frazão.   

O trajeto entre o distrito de Vila Cristina e a rótula da São Leopoldo foi percorrido diversas vezes pela equipe. Foi preciso até mesmo do suporte de um efetivo da Polícia Rodoviária Federal, que chegou a trancar um trecho da BR-116 para as gravações. Esse clima estradeiro faz de O Dia Seguinte uma espécie de road movie em que a tradicional aventura dá lugar ao desconforto e à angústia. 

Veja a ficha técnica do curta:
Elenco: Marcelo Casagrande, Rodrigo Visentin
Direção e roteiro: Mateus Frazão
Direção de Fotografia: Maicon Damasceno
Produção: Gregory Debaco
Trilha Sonora: Luís Rech e Carlo Mioranza
Som Direto: Fabrício Zanco
Edição de som: Luís Rech
Edição de cor: Maicon Damasceno e Rayza Roveda
Montagem: Mateus Frazão
Finalização: Maicon Damasceno
Assistência de Produção: Leonardo Ribeiro e Maicon Firmiano
Operação de câmera: Ricardo Finco e Gustavo Juber

Programe-se
:: O quê: estreia do curta-metragem O Dia Seguinte.
:: Quando: nesta quarta, às 20h.
:: Onde: na Sala de Cinema Ulysses Geremia (Rua Luiz Antunes, 312).
:: Quanto: entrada franca.

Leia também:
3por4: Rock de Galpão será atração na escolha das soberanas de Festa da Uva, em Caxias
Valdir Verona faz show nesta quinta-feira no Teatro do Sesc, em Bento Gonçalves
Lucio Yanel e Orquestra Sinfônica da UCS apresentam projeto "Acuarela del Sür" nesta quinta, em Caxias
Ciro Fabres: o universo de Barbará

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros