Frei Jaime: amar e ser amado sempre será o equilíbrio a ser alcançado - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião10/04/2018 | 06h30Atualizada em 10/04/2018 | 06h30

Frei Jaime: amar e ser amado sempre será o equilíbrio a ser alcançado

O grau de maturidade está na capacidade de amar e não na exigência em ser amado

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Os olhos já estão entreabertos... Pensando na complexidade da agenda, mas não perdendo, em nenhum momento, a paz.... É com serenidade no coração que este amanhecer é acolhido. Tudo sempre dá certo. O que nem sempre acontece é a nossa vontade, pois existe uma ‘vontade maior’... Segura na mão de Deus e vai... 

"O amor próprio transforma vítimas em vencedores."

Amar e ser amado sempre será o equilíbrio a ser alcançado, a harmonia existencial, a alegria de viver. O grau de maturidade está na capacidade de amar e não na exigência em ser amado. Quem observa o movimento das relações humanas não tem dificuldade de perceber que todos querem ser amados e poucos amam. Só tem um caminho para ser realmente amado: amar por primeiro. Talvez pudesse ajudar se, na certidão de nascimento, houvesse uma inscrição: "tua missão é amar". Com certeza alguns teriam dificuldade de ler e de relembrar. A grande maioria resume a vida e as ações na aquisição de bens materiais. 

É claro que, para viver, algumas coisas são necessárias. Mas existe um outro horizonte, outros sonhos, um outro ponto de vista: a felicidade. A vida deveria ser olhada e percebida, a partir do coração. Aquele que mais entende da essência e das necessidades humanas é o coração. Os gregos haviam entendido por onde a vida iria se encontrar, por isso elegeram o coração como símbolo do que existe de mais profundo e mais nobre. A maior parte das pessoas oscilam entre o orgulho e a baixa estima. A dose certa de amor próprio permite que o caminhar seja firme e que o olhar consiga ver também as "estrelas". A superioridade é coisa da imaginação de quem deixou a humildade se despedir e ainda desejou um "até logo". Ninguém deveria provar o sentimento de ser vítima. 

É evidente que tudo tem consequências. Mas aceitar ser vítima ou colocar-se como vítima não ajuda em nada. Feliz de quem tem equilíbrio e bom senso. Nem tanto o céu, nem tanto a terra: há um lugar ideal para acalmar o coração e administrar as emoções. Quem tem verdadeiro amor próprio, aquele que brota da sinceridade para consigo mesmo, deixa de ser vítima e transforma-se num vencedor. Não necessidade de falar baixo: mas é realmente muito bom viver! 

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraços!

Leia também
Veja quem são os 10 mil gaúchos que foram convocados pelo INSS para revisão de benefícios
Serra precisa de investimentos de quase R$ 6 bilhões em logística até 2039, aponta estud

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros