Clássicos da literatura podem ser um bom presente para as crianças nesta Páscoa - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Incentivo à leitura30/03/2018 | 14h00Atualizada em 30/03/2018 | 14h00

Clássicos da literatura podem ser um bom presente para as crianças nesta Páscoa

Na segunda-feira, comemora-se o Dia Internacional do Livro Infantil

Clássicos da literatura podem ser um bom presente para as crianças nesta Páscoa Reprodução/Ver Descrição
Publicado há mais de 75 anos, ainda hoje "O Pequeno Príncipe" frequenta as listas de mais vendidos Foto: Reprodução / Ver Descrição
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Criança gosta de ler, e muito: segundo dados da 4ª edição da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, até os 10 anos 40% das pessoas leem um livro porque gostam, e dos 11 a 13 anos, o índice chega a 42%, enquanto nas outras faixas etárias não passa de 29%. 

Por isso, que tal aproveitar que neste final de semana é Páscoa e na segunda, dia 2 de abril, comemora-se o Dia Internacional do Livro Infantil e presentear os pequenos com um livro? 

Reunimos aqui dicas de algumas obras clássicas, de autores nacionais e estrangeiros. Mas, é claro, existem inúmeros outros bons títulos por aí — alguns deles você encontra clicando nos links desta matéria. O que vale é incentivar esse hábito tão saudável da leitura.

:: O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry: você certamente já ouviu que o essencial é invisível aos olhos, ou que somos responsáveis por aqueles que cativamos — frases que saíram desse livro lançado há 75 anos e que segue encantando gerações de crianças (e de adultos). Uma fábula atemporal sobre um principezinho que viaja pelo mundo e nos ensina muitas lições.

Livro As Aventuras de Pinóquio, de Carlo Collodi e com ilustrações de Quentin Gréban
Foto: reprodução / reprodução

:: Pinóquio, de Carlo Collodi: outra história que atravessou os tempos é a de Pinóquio, escrita em 1883. Na trama, o boneco de madeira esculpido por Geppetto ganha vida e sonha em ser um menino de verdade. Pinóquio está sempre metido em enrascadas e, quando mente, seu nariz cresce.

Capa do livro Alice no País das Maravilhas - dicas de leitura para o Dia Internacional do Livro Infantil
Foto: reprodução / reprodução

:: Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll: enquanto espia o livro que a irmã está lendo, Alice vê passar um coelho todo apressado e, indo atrás dele, acaba descobrindo um mundo recheado de maravilhas (incluindo uma rainha enlouquecida que ameaça cortar o seu pescoço). Publicada originalmente em 1865, essa história já rendeu diversas adaptações, inclusive para o cinema.

Capa do livro O Menino do Dedo Verde - dicas de leitura para o Dia Internacional do Livro Infantil
Foto: reprodução / reprodução

:: O Menino do Dedo Verde, de Maurice Druon: mais recente que as dicas anteriores (tem "apenas" três décadas) mas também um clássico, o livro conta a história de Tistu, um menino que, onde toca com o polegar, nascem flores. Além de divertida, é considerada uma das primeiras histórias a abordar o tema ecologia.

Capa do livro Peter Pan - dicas de leitura para o Dia Internacional do Livro Infantil
Foto: reprodução / reprodução

:: Peter Pan, de James Barrie: quem não conhece Peter Pan, o menino que não queria crescer? Nesta aventura escrita em 1911, encontramos também Wendy, a fada Sininho, os Meninos Perdidos, o Capitão Gancho e outros personagens que convivem na Ilha do Nunca.

Capa do livro A Reforma da Natureza, de Monteiro Lobato - dicas de leitura para o Dia Internacional do Livro Infantil
Foto: reprodução / reprodução

:: A Reforma da Natureza, de Monteiro Lobato: enquanto Dona Benta, Tia Nastácia, Visconde, Pedrinho e Narizinho vão à Europa para uma conferência de paz (vale lembrar que o livro foi publicado em 1939, nos primórdios da II Guerra Mundial), a boneca Emília fica no sítio e aproveita para reformar a natureza. As abóboras vão parar nas jabuticabeiras, as vacas ganham torneira para o leite, as laranjas vêm com uma faquinha dentro... 

Capa do livro Flicts, de Ziraldo - dicas de leitura para o Dia Internacional do Livro Infantil
Foto: reprodução / reprodução

:: Flicts, de Ziraldo: escrita em 1969, mais de 10 anos antes de O Menino Maluquinho, essa obra conta a história de uma cor que não tem lugar no arco-íris por ser diferente de todas as outras, e à qual ninguém parece dar valor. Mas Flicts vai descobrir que tem, sim, o seu lugar.

A data

O dia 2 de abril foi escolhido como Dia Internacional do Livro Infantil em homenagem ao escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, autor de contos como O Patinho Feio e A Pequena Sereia, nascido nessa data, em 1805.

Leia também:
Pedro Guerra fala de seu novo livro, "Vício", à venda apenas na internet
Leandro Angonese lança o livro de poesias "Ella"
Leitura ao alcance de todos
Memórias de subsolo
Tríssia Ordovás Sartori: o poder das palavras

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros