Até sexta, biblioteca municipal de Caxias não cobrará multa em devoluções atrasadas - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Leitura02/01/2018 | 08h35Atualizada em 02/01/2018 | 08h35

Até sexta, biblioteca municipal de Caxias não cobrará multa em devoluções atrasadas

Objetivo é receber de volta parte dos cerca de 200 livros com longo atraso

Até sexta, biblioteca municipal de Caxias não cobrará multa em devoluções atrasadas Daniela Xu/Agencia RBS
Há obras em que o prazo de devolução está vencido há mais de cinco meses Foto: Daniela Xu / Agencia RBS
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Imagine a cena: você vai passar uns dias na praia e leva um livro para ler. Semanas depois de voltar, percebe que deixou o livro por lá  — e ele não era seu, mas sim da Biblioteca Municipal Dr. Demetrio Niederauer, e já deveria ter sido devolvido. O que você faria? Para muita gente, a resposta é deixar pra lá e não devolver mais, por medo da multa acumulada. Pois até sexta-feira, dia 5, quem estiver numa situação semelhante pode aproveitar e restituir à biblioteca de Caxias do Sul as obras em atraso, sem pagamento de multa.

A expectativa é de que, durante a "Semana do Perdão", a biblioteca consiga reaver parte dos cerca de 200 exemplares com prazo de devolução vencido há mais de uma semana — desses, 160 ultrapassam os cinco meses de atraso. Com a multa a R$ 1 dia na seção circulante (na infantil, é de R$ 0,30 ao dia), alguns associados somariam mais de R$ 100 em multa. No entanto, a bibliotecária Maria Nair Sodré Monteiro da Cruz explica que mesmo em outros períodos se evita cobrar somas exageradas.

Leia também:
Leitura ao alcance de todos
Confira o que os escritores de Caxias do Sul planejam para o novo ano
Confira quais foram as leituras preferidas dos caxienses no ano de 2017

— Se passa de R$ 15 ou R$ 20, a gente sugere à pessoa pagar com um livro. Nunca cobraríamos bem mais que o valor da obra. Mas desta vez não precisará nem a doação de outra obra, só queremos os livros de volta — salienta.

Um dos problemas relacionados aos atrasos é que outros leitores podem estar querendo aquele livro. Uma das obras em atraso, por exemplo, tem reserva desde agosto — é o livro Na Natureza Selvagem, de Jon Krakauer. Maria Nair acrescenta que, após dois meses sem devolução, é dada baixa no sistema, para que outras pessoas não fiquem na expectativa do empréstimo.

Entre os motivos da não devolução, segundo a bibliotecária, estão casos como o do exemplo no início da matéria, a perda da obra ou mesmo pessoas que, quando vão se mudar e estão encaixotando suas coisas, encontram um livro atrás do armário e se dão em conta de que é da biblioteca. Para todos estes (e também para quem está apenas um ou dois dias atrasado), vale aproveitar esta semana e regularizar a situação.

Nos meses de janeiro e fevereiro, a Biblioteca Municipal Dr. Demetrio Niederauer (Rua Dr. Montaury, 1.333, na Casa da Cultura) funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, sem fechar ao meio-dia. 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros