Recital da Escola Pública de Música relembra Pixinguinha, em Farroupilha - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Espetáculo05/12/2017 | 10h15Atualizada em 05/12/2017 | 10h15

Recital da Escola Pública de Música relembra Pixinguinha, em Farroupilha

Apresentação, nesta terça-feira, tem entrada franca

Recital da Escola Pública de Música relembra Pixinguinha, em Farroupilha Divulgação/Divulgação
Compositor, arranjador, flautista, saxofonista e maestro, popularizado com músicas como "Carinhoso", completaria 120 anos em 2017 Foto: Divulgação / Divulgação
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Autor de clássicos como Carinhoso ("Meu coração, não sei por quê / bate feliz quando te vê"), o compositor, arranjador, flautista, saxofonista e maestro Alfredo da Rocha Vianna Filho, o Pixinguinha, ganha homenagem nesta terça-feira em recital promovido pela Escola Pública de Música de Farroupilha. O espetáculo Pixinguinha — 120 Anos relembra a vida e obra do artista, nascido em 1897 e considerado um dos maiores compositores da música popular brasileira.

— Pensamos o recital porque ele foi um dos nossos grandes músicos, uma peça importantíssima na cena musical brasileira — diz Rodrigo Ziliotto, idealizador da apresentação.

Com entrada franca, o espetáculo terá um repertório repleto de obras do compositor, interpretadas por Ziliotto (violão), Maurício Farinon (clarinete), Marcelo Freitas (percussão) e Fábio Chagas (violoncelo), todos professores da Escola Pública de Música, e pelos convidados Tiago Camargo (acordeon) e Petra Valtellina (flauta transversal).

Leia também:
Mostra "Retratos do Invisível Visível" pode ser conferida no Sesc de Bento Gonçalves até o dia 30 de dezembro
Tríssia Ordovás Sartori: Empatia, palavra mágica?
Uma opção de passeio por cinco dos mirantes mais bonitos da região

Além da parte musical — com um repertório que inclui Carinhoso, Urubu Malandro, Vou Vivendo e Naquele Tempo, entre outras músicas —, haverá uma contextualização sobre a vida e a obra de Pixinguinha.

Como o auditório da Casa da Cultura, onde será realizado o recital, funciona também como sala de exposições, o público poderá aproveitar para conferir uma mostra com quadros do pintor farroupilhense José Antônio Troitiño, sobre temas como a cultura italiana.

— Buscamos uma interação das artes — explica Alexandre Broilo, diretor da Casa da Cultura.

Broilo lembra que o calendário de programações da Escola de Música conta com pelo menos uma apresentação mensal aberta ao público, levando ao palco professores, alunos e músicos convidados. Para dezembro, além do recital desta terça-feira, estão programados o espetáculo Divas, na sexta (que, por ser beneficente, terá o ingresso equivalente a um quilo de alimento não perecível) e o Auto de Natal, no dia 13, na rua em frente à Casa da Cultura, com 14 atrações, entre música, teatro e outras artes.

Agende-se

O quê: recital Pixinguinha — 120 Anos, da Escola Pública de Música de Farroupilha.

Quando: nesta terça-feira, às 20h.

Onde: na Casa da Cultura de Farroupilha (Rua da República, 172).

Quanto: entrada franca.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros