"O amor me fez assim", do SOU - Contadores de Histórias, terá apresentações de quinta a sábado, em Flores da Cunha - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Espetáculo15/11/2017 | 09h00Atualizada em 15/11/2017 | 09h00

"O amor me fez assim", do SOU - Contadores de Histórias, terá apresentações de quinta a sábado, em Flores da Cunha

Repertório surgiu de pesquisa a respeito do brega na música brasileira

"O amor me fez assim", do SOU - Contadores de Histórias, terá apresentações de quinta a sábado, em Flores da Cunha Natana Areze/divulgação
Dois integrantes do grupo florense SOU - Cantadores de Histórias, a contralto Shamila Carpeggiani e o tenor Rodrigo Marcon, protagonizaram ensaio de divulgação inspirado nas antigas fotonovelas Foto: Natana Areze / divulgação

Ah, o amor! Aquele sentimento que nos deixa como que hipnotizados. Que nos torna capazes de protagonizar de declarações apaixonadas a cenas de ciúme em público. Que nos faz voltar à adolescência. Um misto de sensações que vão do amor ao ódio, da confiança ao arrependimento, da esperança à frustração. Há ainda quem garanta que o amor nos torna bregas. 

E é justamente esse caldeirão de sensações que o grupo SOU – Cantadores de Histórias leva ao palco do Espaço Cultural São José, em Flores da Cunha, de amanhã a sábado, com o espetáculo O Amor Me Fez Assim.

– A montagem anterior, Coração Bobo, falava de amor, e desde aquele época o grupo já trabalhava em uma pesquisa sobre aquilo que se considera brega no repertório brasileiro. É brega, as pessoas podem rir das músicas, mas todo mundo conhece. São canções bastante dramáticas. E o grupo começou a perceber que a costura entre as músicas começou a contar uma história – explica o regente, Renato Filippini.

Assim, por meio de canções de compositores como Altemar Dutra (A Pretendida), Dolores Duran (Estatuto de Boate), Jane e Herondy (Eu Te Amo), Odair José (Eu Vou Tirar Você Desse Lugar), Perla (Estrada do Sol), Lupicínio Rodrigues (Se Acaso Você Chegasse), Bartô Galeno (A Última Carta), Waldick Soriano (Eu Não Sou Cachorro Não) e Banda Calypso (Pra Te Esquecer), entre outros, os 20 cantores mostrarão os detalhes desse enredo recheado de emoções. Enquanto isso, o repertório internacional reflete o sentimento dos protagonistas com canções que vão de Freddie Mercury (Somebody To Love) a Eric Clapton (Tears in Heaven), passando por Neil Diamon (I’m a Believer) e Janis Joplin (Mercedez Benz).

– É uma história que todo mundo conhece e que, se a gente não passou por determinada situação, conhece alguém que tenha passado. As pessoas se apaixonam, o relacionamento entra em conflito, daí se separam, cada um busca seu caminho e o ciclo recomeça – reflete Filippini.

Programe-se:
::  O quê: espetáculo O Amor Me Fez Assim, do SOU – Cantadores de Histórias.
:: Quando: quinta (16), sexta (17) e sábado (18), às 20h.
:: Onde: Espaço Cultural São José (Rua Barros Cassal, 777, Flores da Cunha).
:: Quanto: R$ 20, à venda no Insieme Caffe (Avenida 25 de Julho, 1.503) ou com os cantores. A classificação etária é a partir de oito anos. A bilheteria do espaço cultural abrirá às 19h30min.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros