Milla Tuli encerra temporada 2017 do Circuito Dandô nesta quarta, em Caxias - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Música07/11/2017 | 11h09Atualizada em 07/11/2017 | 11h09

Milla Tuli encerra temporada 2017 do Circuito Dandô nesta quarta, em Caxias

Com duração aproximada de 90 minutos, a performance traz o repertório do CD, formado por 10 canções autorais 

Milla Tuli encerra temporada 2017 do Circuito Dandô nesta quarta, em Caxias Rai Alves/divulgação
Foto: Rai Alves / divulgação

A cantora, violonista e compositora Milla Tuli fecha nesta quarta, na  Sala de Teatro Valentim Lazzarotto, a temporada 2017 do projeto Dandô – Circuito de Música Dércio Marques, em Caxias do Sul. A goiana sobe ao palco às 20h para apresentar um show baseado no disco que leva seu nome, o primeiro de sua carreira profissional iniciada há 15 anos. Os ingressos custam R$ 20 (há opções de meia entrada para estudantes e idosos) e podem ser adquiridos na hora.

Com duração aproximada de 90 minutos, a performance traz o repertório do CD, formado por 10 canções autorais que revelam o universo musical de Milla com influências de gêneros e estilos que passam por samba, baião, jazz e bolero, mescladas a composições de artistas que marcaram a trajetória da artista, entre eles Edu Lobo, Dorival Caymmi, Tom Jobim e Pixinguinha.

– Sou artista e arteira desde criança – brinca Milla, ao lembrar da infância e adolescência cantando em corais.

Aos 14 anos, aprendeu a tocar violão em uma escolinha de bairro e, aos 15, a primeira canja no Peixoto, um bar no melhor estilo sertanejo, rendeu a Milla o primeiro contrato. Naquela época, como em quase todo cantor da noite, o set list passeava pelo pop rock e pela MPB de nomes como Marisa Monte, Ana Carolina e Legião Urbana.

– Introduzi a MPB num território sertanejo – conta.

Mais tarde, descobriu que podia expressas sentimentos por meio da música. E foi se empolgando. Os prêmios em festivais lhe davam ainda mais ânimo.

– Dá um valor diferente àquilo que a gente canta – reflete – Uma expressão mais verdadeira daquilo que nos compõe como ser humano. A gente quer que (a música) interfira positivamente na vida das outras pessoas, seja como questionamento ou apenas como deleite – destaca.

PROGRAME-SE

O quê: Milla Tuli no circuito Dandô.
Quando: nesta quarta, às 20h.
Onde: Sala de Teatro Valentim Lazzarotto, anexa ao Centro de Cultura Ordovás (Rua Luiz Antunes, 312, bairro Panazzolo, Caxias do Sul).
Quanto: R$ 20. Estudantes e idosos pagam R$ 10.

O CD estará à venda no local por R$ 20.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros