Grupo Choros de Balcão recebe Elias Barboza no último Comunidade em Concerto do ano, no domingo, em Caxias - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Música10/11/2017 | 10h10Atualizada em 10/11/2017 | 13h54

Grupo Choros de Balcão recebe Elias Barboza no último Comunidade em Concerto do ano, no domingo, em Caxias

Bandolinista porto-alegrense junta-se a time caxiense para interpretar repertório autoral e clássicos do choro

Grupo Choros de Balcão recebe Elias Barboza no último Comunidade em Concerto do ano, no domingo, em Caxias Ramon Munhoz/Divulgação
Grupo Choros de Balcão nasceu nas oficinas culturais do Sesi Caxias do Sul, em 2013 Foto: Ramon Munhoz / Divulgação

O projeto Comunidade em Concerto tem neste domingo a sua última apresentação da temporada, este ano toda realizada em Galópolis, em Caxias do Sul. E o encerramento não será menos elegante do que o restante da série de shows gratuitos levados ao bairro histórico, sempre ao entardecer. O grupo Choros de Balcão, que reúne alguns dos mais virtuosos músicos da cidade, abre a roda para receber o bandolinista porto-alegrense Elias Barboza, na área externa do Instituto Hércules Galló (em caso de chuva, a apresentação será na sala multiuso do mesmo espaço). 

Formado em 2013 nas oficinas culturais do Sesi, por professores que compartilhavam o interesse pelo gênero consagrado por Pixinguinha e Jacob do Bandolim, o Choros de Balcão tem em sua formação atual Daniel Balconi (flauta transversal), Ezequiel Duarte (violão 7 cordas), Leonel Costa (violão), Leonardo Bottini dos Reis (pandeiro) e João Seben (cavaquinho), reproduzindo a clássica formação das rodas de chorões. Balconi, contudo, destaca que o conjunto funciona mais como um clube, aberto a novos participantes:  

Elias Barboza, bandolionista, morador do bairro Camaquã
Foto: Bruna Porciúncula / Agencia RBS

– Nós nos reuníamos para tocar sem ter a intenção de formar um grupo, mas sim de explorar a música brasileira. Naturalmente caímos no choro e tomamos gosto. Logo depois, começamos a tocar em bares como o Zarabatana, o Kerwald, o Zanuzi, e outros músicos da cidade e da região também se interessaram e começaram participar da roda – conta o flautista.  

Sobre o show de domingo, Balconi antecipa que o repertório será dividido entre composições de Barboza, como Luminoso – vencedor da 28ª Moenda da Canção –, e clássicos do choro arranjados pelo porto-alegrense, que também ostenta no currículo participações como solista junto às orquestras da Ulbra, Unisinos/Anchieta e PUCRS.

– Além de ótimo instrumentista e arranjador, o Elias tem uma verve incrível para a composição, que quem for ao show poderá conferir. É uma das principais referências de choro no Brasil atualmente – elogia o flautista. 

Realizado pela Tum Tum Produções em parceria como Instituto Hércules Galló, o Comunidade em Concerto conta com recursos do Financiarte de 2016. Desde junho, o projeto levou a diferentes pontos de Galópolis o Quinteto de Cordas da Serra Gaúcha, Ária Trio, Duo Alma Brasileira e Duo Nó de Pinho e Quinteto Quimetais. Na avaliação do diretor do Instituto, Renato Sólio, a experiência foi positiva:

– Ficamos muito satisfeitos por pode oferecer uma opção de lazer que valoriza lugares históricos de Galópolis, como a igreja e o antigo cinema, e também os músicos locais. Foi uma agradável surpresa perceber a diversidade musical que temos em Caxias. E cabe a nós valorizá-la.  Estamos tentando viabilizar a continuidade deste projeto para o ano que vem.

Agende-se
O quê:
Comunidade em Concerto em Galópolis, com Choros de Balcão e Elias Barboza.
Quando: domingo, às 17h.
Onde: Instituto Hércules Galló (BR-116, 1.579 – Galópolis).
Quanto: entrada gratuita.

Oficina Na véspera do show, sábado, Elias Barboza irá ministrar uma oficina de composição e prática de choro, às 16h. Será na Dom1 Escola de Bateria (Rua Sinimbu, 1.280, sala 101), com investimento de R$ 50. Informações: (54) 3027-1171 

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros