Sociedade por João Pulita - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

SOCIAL14/09/2017 | 06h15Atualizada em 14/09/2017 | 06h15

Sociedade por João Pulita

Veja a coluna social desta quinta


O arquiteto Júlio César Rapkiewicz posa em frente a um projeto criado pela incorporadora dele, obra alicerçada na sustentabilidade Foto: Fabio Campelo / Divulgação

Nota 10
O arquiteto Júlio César Rapkiewicz está comemorando 10 anos da AMPR Incorporadora ao lado dos colegas de métier e sócios, Roberto Alquati e Evandro Mallamann. Em meio as homenagens que o trio recebe, a coluna elegeu Júlio para responder uma entrevista. Confira!

Qual seu maior projeto de vida?
Quando adolescente, era tornar-me empresário. Então, fui em busca de oportunidades e investi meu tempo para adquirir experiência no concorrido mercado da construção civil. Atualmente meu maior projeto de vida é viajar e ter experiências enriquecedoras com minha família, conhecer novos lugares e diferentes culturas.

Quais suas referências profissionais na arte, no design e na arquitetura?
São muitas, mas destaco Salvador Dali, a ousadia de Steve Jobs e a arquiteta desconstrutivista Zaha Hadid, respectivamente.

Além de envolver funcionalidade e design, a arquitetura promove o desenvolvimento das cidades. Como se posiciona sobre os temas sustentabilidade, vida pública e coletividade?
Projetar envolve inúmeros temas que atualmente se tornaram obrigatórios. Uma cidade mais sustentável e conectada pode ajudar muito no seu dia a dia. Pesquisas apontam que a longevidade com qualidade de vida depende 17% da genética, os outros 83% dependem de práticas saudáveis, atividades esportivas, alimentação e um estilo de vida menos estressante. Acredito que uma boa arquitetura pode promover isso.

Qual projeto arquitetônico de referência no setor você pode elencar como seu favorito e por quê?
Elencar apenas uma referência arquitetônica para um arquiteto é extremamente complicado, porém uma tendência no nosso setor que pode ser exemplificada pelo seu projeto é o do Bairro Pedra Branca - Cidade Criativa em Palhoça/SC. Um local para morar, trabalhar, estudar e se divertir em harmonia com a natureza.

Como a AMPR concilia os diferentes estilos de vida das pessoas com as construções da AMPR?
Queremos ir além do que construir ambientes em nossos projetos. Acreditamos que o compartilhamentos das coisas possam otimizar os espaços em nossos empreendimentos. Conciliamos os diferentes estilos de vida das pessoas com personalizações, na compra do seu imóvel. Exemplo disso é o Update São Pelegrino, nosso lançamento de 2017 aonde o cliente pode tornar realidade suas ideias.

Como vê a nova geração de arquitetos nacionais?
A nossa geração de arquitetos escolheu a arquitetura como ofício. Muitos conseguem montar seu escritório logo depois de formados, mesmo assim passam anos arriscando em trabalhos menores antes de serem descobertos pelo mercado. Vejo como profissionais muito criativos e “abusados” em um mercado muito promissor, aonde a muito o que se criar nas nossas cidades.

Acredita que é possível projetar sem considerar a estética?
Acredito sim que podemos considerar inúmeros fatores em um projeto antes da estética, porém atualmente em um mundo em que “compramos com os olhos", não podemos deixar de lado a estética.

O que te influencia e inspira na profissão? Fale sobre suas experiências profissionais mais marcantes e como te influenciam na forma de ver/fazer arquitetura?
O que me inspira na profissão é a necessidade que todos temos de ter um teto para morar. Isso nunca vai terminar.
Uma grande experiência profissional foi tomar partido de um padrão popular de moradias, e criar um grife, tal o padrão de construção que conseguimos alcançar mesmo sendo empreendimentos enquadrados no Minha Casa Minha Vida. ë possível fazer uma boa arquitetura em todas as classes sociais.

Você, o Roberto e o Evandro sempre buscam aliar inovação ao negócio imobiliário na área da construção civil, então, podemos considera-los empresários arquitetos?
Atualmente podemos dizer que somos mais empresários do que arquitetos. Isso porque em nossas empresas contratamos excelentes arquitetos e engenheiros que conseguem deixar nossos projetos com nossa cara. Temos muito orgulho de nossos colaboradores suprirem essa nossa “frustração” de não mais projetar com antes.

Mas a arquitetura não é moda, ela é feita para durar. Como conciliar customização e perenidade dos projetos?
Na arquitetura, a customização perene dos projetos entendo que é vista de forma positiva, pois isso fomenta ainda mais nosso mercado. As tendências que surgem a todo momento mostram que os nossos projetos mudam com frequência.

Os manos Leonardo e Andrigo Salvador comandaram a estreia da Cervejaria Salvador, no Complexo Fabbrica, num ambiente pautado no conceito militar Foto: Matheus Salvador / Divulgação
Angela Garahy foi o centro das atenções, dia 6, em festa na Grand Maison, pela passagem da data queridaFoto: Douglas Gomes / Divulgação

Brasileiríssima
Praticamente embaixadora caxiense da bebida mais brasileira, a empresária Susana Chies pilota, hoje, uma reunião conceitual para brindar a data comemorativa do produto, festejada oficialmente ontem. No encontro desta quinta-feira, Susana, que criou o produto na versão orgânica, pela Casa Três Vendas, programa uma série de drinks que promete sacudir as casinhas do Alligator Steak House e Yoo Boutique. Além de expressivo grupo de apreciadores, gente bonita por centímetro cúbico, a comemoração terá música ao vivo com o samba de raiz do Seresteiros do Luar. 

Camomila
As designers Angela Susin, Giovana Santos e Tatiana Sottili armam chá, sábado, às 11h, para apresentar o complexo Villagio Bianco. Na ocasião, apresentarão suas criações de joias, moda e décor. No mesmo Tea Party, as anfitriãs recepcionam particular grupo de amigas em meio as flores assinadas por Eduardo Scalcon e Tiago Nunes.

Visionários
O empresário João Brognoli e a relações públicas Vanessa Guimarães engatam as atividades da Duo Business School, sábado, dia 16, trazendo um dos maiores nomes do empreendedorismo do país. Realizam encontro com o paulista Geraldo Ruffino, chairman da JR Diesel, empresa pioneira na reciclagem de caminhões. Ruffino proferirá a palestra Superando a Crise de 0 a 50 milhões, no UCS Teatro.

Voos
Depois de palestrar em Aracajú, o arquiteto e designer gaúcho Henrique Steyer será o centro das atenções durante jantar que a grife de móveis Florense promove nesta sexta-feira, 15, no Restaurante Rui Paula, em Recife. Na mesma noite Steyer reúne seu fã clube para uma sessão de autógrafos de sua obra intitulada Uau!  e, no dia 22, ele discorrerá para mais de 800 pessoas sobre o tema Design Inusitado Entre o Céu e o Inferno  no 1º Belém Design Zones, no Pará.

Lucas Mota da Veiga comemorou sua formatura em Engenharia Mecânica com as atenções da namorada Franciele Spengler, em festa no Quinta Estação Foto: Leandra Romani / Divulgação
Viviane Brollo e Lucas Garcia trocaram alianças com a cerimônia das areias de Flavia Bellini no Altos do Vale  Foto: Vinícius Tisatto / Divulgação
Daniel Piccoli e Tatiélem Klipel, recentemente quando trocavam juras eternas de amor no altar da Igreja Nossa Senhora Imaculada Conceição Foto: Bruno Alexander / Divulgação
Joel Zanella, Shirlei Boeno, Suélen da Silva e Samuel Zanella, habitués das baladas capitaneadas por Leo Zanotto Foto: Cristiano de Oliveira / Divulgação


 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros