Entrevista: Jayme Monjardim fala sobre a próxima novela das 18h, "Tempo de Amar" - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Televisão02/09/2017 | 13h00Atualizada em 03/09/2017 | 14h35

Entrevista: Jayme Monjardim fala sobre a próxima novela das 18h, "Tempo de Amar"

A trama é baseada em um argumento de Rubem Fonseca

Para lançar uma novela de época, o cenário também tinha que lembrar o passado. A Confeitaria Colombo, no centro do Rio de Janeiro, fundada há 123 anos, se iluminou na última terça-feira para receber a imprensa e a equipe da próxima novela das 18h, Tempo de Amar. Confira a entrevista com Jaime Monjardim, diretor artístico da trama:

Foto: TV Globo / Divulgação

Como você define "Tempo de Amar"?

É um folhetim dos grandes, onde o amor é o grande protagonista. A história é toda centralizada no romance de dois jovens que se encontram e se apaixonam, mas que o destino faz com que se separem. Além de falar de amor, a novela é feita com muito amor também. E nós estamos vivendo um momento em que é muito importante falar do amor. 

Como será a trilha sonora da novela?

É um ponto importante para contar essa história. Estamos fazendo um trabalho musical muito personalizado. Grandes compositores criaram músicas para a novela – Maria Gadú, Djavan, Jorge Vercilo, Zizi Possi, Marcus Vianna. E temos também uma trilha incidental muito bonita, que está sendo toda gravada em Budapeste pelo maestro Alexandre Guerra.

Vocês vão usar imagens de arquivo?

Teremos filmes de época do acervo da Cinemateca Portuguesa que mostram o Porto, Lisboa. E também teremos fotos do período do Rio de Janeiro. Essas imagens estão passando por um processo que dá vida a elas, o que é um charme bacana. É uma técnica de projeção de imagens e câmera mapping que transforma fotos em vídeo. A união dos vídeos antigos e dessas fotos animadas traz um clima e um posicionamento histórico para a novela.

Que locações do Rio de Janeiro e do Sul você destaca e o que foi considerado na hora de escolhê-las?

Um dos grandes investimentos da novela é em locações. Escolhemos lugares impressionantemente bonitos, poderosos, grandiosos. Quisemos levar para o Sul o clima de Portugal. Temos nossa cidade cenográfica aqui nos Estúdios Globo, mas toda a tradição em termos de imagem nós encontramos em Garibaldi, no Rio Grande do Sul. Lá tem muita colônia italiana, mas com o estilo de vida muito próximo ao dos portugueses. Então, conseguimos criar toda a atmosfera portuguesa em Garibaldi, que é uma zona de produção de vinho, colonos e imigrantes. Lá encontramos também uma atmosfera de época, com uma natureza europeia e construções de pedras incríveis. Também gravamos cenas grandiosas de partida e chegada no Porto do Rio de Janeiro, e na Fortaleza de Santa Cruz, em Niterói.

A novela tem dois protagonistas estreantes, além de um elenco jovem. Mas ao mesmo tempo traz atores experientes. Como chegou a esse grupo?

Sempre imaginei que essa novela precisava ter um casal protagonista totalmente novo na televisão, porque a história do Alcides Nogueira é tão poderosa que achei que esse frescor nos ajudaria a contar a história com mais credibilidade. E realmente cheguei a esse grupo maravilhoso pensando que os estreantes deveriam estar cercados por um grande elenco. É incrível poder trabalhar com Tony Ramos, Regina Duarte, Letícia Sabatella, Andréia Horta, Jayme Matarazzo, Marisa Orth, Werner Schünemann, Odilon Wagner, Nivea Maria, Cassio Gabus Mendes, Deborah Evelyn e tantos outros.

Adaptação

Tempo de Amar é uma novela de Alcides Nogueira com direção artística de Jayme Monjardim e direção geral de Adriano Melo. A trama é baseada em um argumento de Rubem Fonseca e escrita por Alcides Nogueira em parceria com Bia Corrêa do Lago e colaboração de Tarcísio Lara Puiati e Bíbi Da Pieve.


 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros