3por4: Cokeyne Bluesman vai lançar faixas gravadas no Mississippi Delta Blues Festival de 2013 - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Música18/07/2017 | 13h30Atualizada em 18/07/2017 | 13h32

3por4: Cokeyne Bluesman vai lançar faixas gravadas no Mississippi Delta Blues Festival de 2013

Músico solicitou parcerias para mixagem do álbum

3por4: Cokeyne Bluesman vai lançar faixas gravadas no Mississippi Delta Blues Festival de 2013 Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

Era a sexta a edição do Mississippi Delta Blues Festival e o músico Cokeyne Bluesman celebrava seu retorno oficial a um repertório completamente blueseiro depois de cerca de 20 anos afastado do gênero. Se você não conhece o Cokeyne, vale abrir um parêntese aqui para contar que esse multi-instrumentista esteve à frente dos teclados da lendária banda porto-alegrense Cascavelletes, nos anos 1990. Mas voltando à apresentação do MDBF, Cokeyne assumiu violões e guitarra ao lado do guitarrista Dany Boy, do baixista Lucas Chini e do baterista Alexandre Barea (outro ex-integrante do Casca). O repertório contou com composições inéditas que haviam sido testadas durante as apresentações mensais que Cokeyne fez no Mississippi Delta Blues Bar durante aquele ano. No final, rolou até uma versão de Morte por Tesão. Eis que toda a apresentação (registrada na foto acima) foi gravada para compor um CD, mas o músico acabou não gostando muito do resultado.

- Pintaram alguns ruídos e chiados inesperados, tornando inviável que o material fosse aproveitado para ser lançado em CD. Eu cheguei a fazer uma pré mixagem do material na época e aproveitei duas faixas na edição de dois vídeos amadores que postei no YouTube e que acabaram fazendo o papel do tal CD por hora - conta Cokeyne.

Leia Mais:
3por4: Banda francisco, el hombre se apresenta em agosto, em Caxias
Natural do interior de Caxias do Sul, Diego Vanassibara faz sucesso na Inglaterra com coleção de sapatos criada por ele 

Pensando em reunir novamente aquelas composições de 2013 e outras mais novas num CD de estúdio, o músico voltou atrás na decisão:

- Lembrei da velha gravação ao vivo e decidi que deveria ser lançada de qualquer forma, com os defeitos ou não, não com intuito comercial, mas para que não acabe como tanta coisa que se perdeu e que hoje em dia teria grande valor histórico - justifica.

Cokeyne, então, fez um chamamento em seu perfil do Facebook para identificar amigos que trabalham com áudio e mixagem que pudessem o ajudar a "salvar" a gravação. Para a surpresa dele, muita gente se ofereceu para ajudar. 

- Entre eles, o operador de palco do Moraes Moreira e o proprietário da Tech Áudio, antiga EGER, o mais antigo e tradicional estúdio de Porto Alegre, onde gravei a canção Sob Um Céu De Blues com os Cascavelletes - festeja.

A princípio, deve rolar uma audição conjunta na Tech Áudio e, a partir daí, o músico decidirá o caminho. Uma das ideias é conceder uma faixa para cada um dos que se dispuseram a colaborar. Mas, o que importa mesmo é que, em breve, vem coisa nova, de 2013, por aí.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comHomem sofre fratura nas duas pernas em empresa de Caxias do Sul https://t.co/NlRqVeBNVa #pioneirohá 7 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comEstacionamento na Avenida Rio Branco volta a operar em Caxias https://t.co/s6RxA2Xnx1 #pioneirohá 8 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros