Um passo a mais: um dia difícil até a Cruz de Ferro - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Diário de viagem11/06/2017 | 13h02Atualizada em 11/06/2017 | 13h03

Um passo a mais: um dia difícil até a Cruz de Ferro

Emilio Finger e Leidy Indicatti chegaram na Cruz de Ferro, um ponto importante no Caminho de Santiago de Compostela. Confira o diário e deixe uma mensagem de apoio aos peregrinos

Um passo a mais: um dia difícil até a Cruz de Ferro Divulgação/
Foto: Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

"O cansaço me pegou. Pensei seriamente em não escrever nada hoje e postar apenas os vídeos e fotos deste dia tão fatídico. Mas não me aguentei! Mesmo cansada e sem forças até para digitar estas poucas frases eu preciso contar a vocês.

Hoje foi o dia mais difícil de toda a caminhada. Emilio ia fazer apenas 2 km até a Cruz de Ferro. Uma pessoa no albergue disse para ele que ele não conseguiria ir de Rabanal até a Cruz de Ferro. São 7 km totalmente íngremes, montanha acima.

No café da manhã, ele me confessou que estava com medo e pediu minha opinião. Eu disse para ele não escutar o que as outras pessoas diziam ou pensavam. Disse que ele precisava ao menos tentar. Caso não conseguisse fazer os 7 km, que chamasse um táxi (ele tinha os telefones). Ele não podia desistir sem antes tentar...Ele me olhou sério e disse: 'Era só isso que eu precisava ouvir. Obrigado por acreditar que eu consigo subir os 7km.

Subi na frente e o deixei sozinho para fazer esse percurso. No meu entendimento essa seria uma prova para ele e já estava na hora dele passar por esse desafio (talvez a maior de todos) sozinho.

No topo, esperei ele enquanto tomava um café (sem açúcar, óbvio) e perguntava a todos os peregrinos e ciclistas que apareciam se eles haviam visto o Emilio. Um ciclista me disse que ele tinha optado pelo trajeto mais difícil (mas mais bonito, que orgulho!) e que estava bem, firme e forte.

O desfecho vocês podem ver nos vídeos aqui. A emoção resume tudo, não preciso mais escrever nada a respeito. Ah! não foram 7km. Descobrimos que na verdade foram 9 km de subida para ele.

Eu ainda preciso seguir mais 23 km de subidas e depois descidas com a nossa mochila monstra de 14 kg nas costas. Hoje vai ser puxado!"

Clique na imagem abaixo para acompanhar o diário de viagem e deixar uma mensagem:


Um passo a mais


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comFeirão de Imóveis oferece oportunidade de negócios em Caxias do Sul https://t.co/9LMaVur2Iy #pioneirohá 13 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPedro Guerra: O enterro do CNPJ https://t.co/NqkBpkxnw2 #pioneirohá 14 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros