Memória: Evolução urbana no bairro Cruzeiro - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Urbanismo13/06/2017 | 10h12Atualizada em 13/06/2017 | 10h12

Memória: Evolução urbana no bairro Cruzeiro

"O bairro Cruzeiro do Sul teve um crescimento acentuado em 1950"

Memória: Evolução urbana no bairro Cruzeiro Foto Bisol/Agencia RBS
Foto: Foto Bisol / Agencia RBS

Caxias do Sul evidencia-se pelo intenso crescimento urbano. Na década de 1950, o jornal Pioneiro registrou a evolução de loteamentos regularizados nas atuais áreas do bairro Cinquentenário, Jardim América e Cruzeiro. Naquela época, havia um controle e respeito pelo meio ambiente, bem como pelo registro correto em cartório e habitação edificada. 

O bairro Cruzeiro do Sul teve um crescimento acentuado em 1950. Em anúncio publicitário, a imobiliária Cruzeiro do Sul disponibilizou a venda de 753 lotes nas imediações da Rua Luiz Michielon. A loja do empreendimento urbanístico estava sediada no edifício Balen, na Avenida Júlio de Castilhos com a Rua Alfredo Chaves. Mário Sartor, Dante Fadanelli, Ângelo Scola, Paulo Brambilla, José Zan, Vitor De Lazer e José Pereira eram os investidores do projeto.

O desenvolvimento desta área foi noticiado pela reportagem em novembro de 1953. O prefeito Euclides Triches, acompanhado pelos vereadores Pery Paternoster, Isidoro Moretto, Claudio Belló, Mário Gardelin e o padre Maximiliano Franzoi, participaram das inaugurações de calçamentos e rede elétrica. A metalúrgica Tomasi e a indústria de máquinas Demétrio Fávero anunciaram operações fabris.

Na imagem acima, percebe-se o Grupo Escolar Bairro Cruzeiro, onde os filhos de Avelino Manoel Avrela estudaram. Conforme a professora Marta Schmitz, a escola originou-se em 1913 e viveu mudanças de nome e endereço. Desde 1976, possui a denominação de Escola Estadual de Ensino Médio Província de Mendoza. (Foto: Tomazoni, divulgação)

Famílias do bairro Cruzeiro

Foto: Foto Bisol / Agencia RBS

A família Avrela é uma referência no Cruzeiro. O patriarca Avelino Manoel Avrela, que atuou como corretor de imóveis, denomina a praça central e uma rua.

O filho Erni Avrela, 71 anos, mostra onde estava localizado o Grupo Escolar Bairro Cruzeiro. Hoje, uma quadra de esportes ocupa o espaço na praça Avelino Manoel Avrela, defronte a Avenida Hércules. 

Vida religiosa

Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

O Cruzeiro consolidou-se como bairro residencial. A proximidade com o centro da cidade tornava-se atrativa para quem procurava tranquilidade. A família Avrela é uma das mais antigas a fixar residência no bairro. Na imagem de 1958, destacam-se as crianças Lidia Bisol, Angelin Avrela, Edivalso Avrela, Ibanez Avrela, Erni Avrela e Beatriz Perini, que tiveram um vinculo forte com as atividades da paróquia. 

Confira outras publicações da coluna Memória

Leia antigos conteúdos do blog Memória


 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros