Nesta quinta tem viola e orquestra no UCS Teatro, em Caxias do Sul - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Música11/05/2017 | 06h11Atualizada em 11/05/2017 | 06h11

Nesta quinta tem viola e orquestra no UCS Teatro, em Caxias do Sul

Edição de maio do Quinta Sinfônica promete uma dose extra de lirismo

Nesta quinta tem viola e orquestra no UCS Teatro, em Caxias do Sul Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Maestro convidado Linus Lerner regerá a Osucs e o solista convidado, o violista Alexandre Razera Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Quando se pensa numa orquestra, é comum lembrar de violinos, instrumentos de sopro, talvez um piano ou uma harpa. A viola, no entanto, não é costumeiramente associada à música clássica, embora seja um instrumento rico em timbres e recursos técnicos. E, na noite desta quinta-feira, ela será a estrela do projeto Quinta Sinfônica, com a Orquestra Sinfônica da UCS (Osucs) e convidados, no UCS Teatro.

— A viola é um instrumento muito rico e, às vezes, pouco conhecido, mas que vem evoluindo muito ao longo dos últimos dois séculos — lembra o solista convidado, Alexandre Razera, que responderá pela viola em duas das peças do programa, Romance para Viola e Orquestra em Fá Maior, de Max Bruch, e Rapsódia — Concerto para Viola e Orquestra, de Bohuslav Martinu.

Natural de Piracicaba (SP) e com um currículo que inclui passagens como músico convidado em orquestras alemãs — entre elas, a conhecida Filarmônica de Berlim —, Razera destaca que essas peças têm em comum o fato de serem extremamente líricas:

— O Romance traz temas lindos e muita intensidade dramática, Bruch explora muito bem os timbres mais ricos da viola e consegue fazer com que a orquestra dialogue de uma maneira intensa e, ao mesmo tempo, sem encobrir o solista. O Concerto de Rapsódia alterna trechos melodiosos com outros bem rítmicos e virtuosos — descreve.

Leia também:
Um violeiro entre palavras: novo álbum do caxiense Valdir Verona celebra parceria com poeta do Sul do Estado
3por4: Selo caxiense Honey Bomb participa de Festival Bananada em Goiânia
Pequenos leitores têm Feira do Livro só para eles em Bento Gonçalves

O romantismo e o lirismo que permearão o concerto também são destacados pelo maestro convidado, Linus Lerner, que participou recentemente do Gramado in Concert e é diretor artístico e regente da Southern Arizona Symphony Orchestra (EUA) e da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte, além de já ter regido grupos em países tão distantes quanto China e República Tcheca, entre vários outros.

— O público vai ver um concerto muito bonito, com um instrumento que não se vê muito. O (concerto de) Martinu é importante para mostrar os tons que a viola pode produzir, e também seu virtuosismo — completa, acrescentando que no Romance o instrumento soa quase como um violino.

A Osucs interpretará ainda outras duas composições: English Folk Songs Suite, de Ralph Vaughan Williams, e Variações sobre um tema de Joseph Haydn, de J. Brahms.

A viola

A viola utilizada numa orquestra é bem diferente daquela que se vê costumeiramente na música tradicionalista gaúcha, semelhante ao violão, e da viola caipira. Ela se assemelha a um violino, mas é maior e mais grave do que ele. O violista Alexandre Razera destaca que o som desse instrumento é extremamente rico, indo do grave até o agudo.

— O violino não tem um grave tão bom quanto uma viola. O violino tem uma corda sol, que é a mais grave, e a viola tem uma corda dó, uma quinta mais baixo. Ao mesmo tempo, a viola também vai para o bem agudo, não tanto quanto o violino.

Ele acrescenta que o violino "virou moda" durante o barroco e o romantismo, porém atualmente a viola tem estado em alta, com vários compositores apostando em concertos solo para esse instrumento, que reúne tanto o lado lírico e melodioso quanto o virtuosístico.

Agende-se
O que:
concerto Quinta Sinfônica
Quando: nesta quinta, às 20h30min
Onde: no UCS Teatro
Quanto: R$ 10 e R$ 5 (estudantes e idosos), à venda na Loja UCS Store (Galeria Universitária) e na Livraria do Maneco


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comEm jogo decidido no detalhe, Apahand estreia com derrota na Liga Nacional Feminina https://t.co/GDUXZ9GeH4 #pioneirohá 3 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comJuventude x América-MG: tudo o que você precisa saber sobre a partida https://t.co/ZnPEcuabQk #pioneirohá 4 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros