3por4: Brechó caxiense Casulo de Pano se expande para o mundo virtual - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

3por416/05/2017 | 11h10Atualizada em 16/05/2017 | 16h27

3por4: Brechó caxiense Casulo de Pano se expande para o mundo virtual

Projeto conta com catálogo on-line de produtos 

3por4: Brechó caxiense Casulo de Pano se expande para o mundo virtual Tuany Areze/Divulgação
Gabriela Slaviero, Déborah Renosto, Tuany Areze e Lara Bazzo são as criadoras do brechó Casulo de Pano Foto: Tuany Areze / Divulgação

Idealizado em Caxias, o fofíssimo brechó Casulo de Pano acaba de chegar ao mundo das lojas virtuais. A iniciativa é mantida pelas amigas Gabriela Slaviero, Déborah Renosto, Tuany Areze e Lara Bazzo desde o início do ano passado e já esteve presente de forma itinerante em diversos eventos da região _ como no recente Festival Brasileiro de Música de Rua. Agora, a lojinha oferece sua seleção de peças cool no site. A ideia, claro, é expandir ainda mais o acesso a um consumo consciente, que aumenta a vida útil das roupas.

— O prejuízo na cadeia da moda é gigante, há sempre uma sedução para que a gente compre coisas das quais não precisamos. O que estamos fazendo é plantar uma raizinha em meio a isso tudo — comenta Déborah.

Tudo começou com pequenos desapegos pessoais, mas hoje a loja também trabalha com garimpos de outros brechós e com várias peças consignadas. Conforme Déborah, a Casulo de Pano preocupa-se em desmitificar aquela ideia antiga de que brechó é lugar de roupas bregas e mal cuidadas.

Leia Mais:
Walter Rodrigues abre nesta terça a exposição "Histórias de um atelier", em Caxias
3por4: Clipe da banda gramadense Polares estreou no Multishow 

— Temos todo um cuidado com as roupas, lavamos, a Lara faz as reformas necessárias e temos até um aromatizante com o cheirinho da loja. Queremos que a pessoa tenha uma experiência positiva — diz. 

Na loja virtual da Casulo, dá para garimpar desde peças de grifes como Colcci, Mormaii e Farm, até criações mais caseiras e customizadas. As descrições das peças são super criativas, tipo, "Brusinha Bordô coisa mai linda", "Blazer Bordô Veludo Divo", etc. As fotos dos modelos no site - clicadas pela fotógrafa Tuany Areze — são uma atração à parte, combinando com o clima de aconchego e carinho proposto pela loja. A mesma vibe está no vídeo gravado para divulgar a chegada da Casulo ao e-commerce (veja no site). 

— Fizemos uma seleção de modelos na nossa página de Facebook e escolhemos pessoas com belezas diferentes, valorizando a questão da representatividade, do que sempre sentimos falta na publicidade convencional. Queríamos que a personalidade dessas pessoas parecesse também, que elas não fosses simplesmente cabides para as fotos — explica Déborah.  

Pedro Henrique Silva foi um dos modelos que pousou usando as roupas do brechó Foto: Tuany Areze / Divulgação


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros