Filme "Neruda" estreia na sala Ulysses Geremia, em Caxias  - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Cinema20/04/2017 | 10h37Atualizada em 20/04/2017 | 10h37

Filme "Neruda" estreia na sala Ulysses Geremia, em Caxias 

Longa dirigido por Pablo Larraín, tem Gael García Bernal no elenco 

Filme "Neruda" estreia na sala Ulysses Geremia, em Caxias  imovision/Divulgação
Escritor é interpretado por Luis Gnecco Foto: imovision / Divulgação

Das facetas mais conhecidas do escritor chileno Pablo Neruda, o diretor Pablo Larraín escolheu a política para focar atenções na cinebiografia Neruda, estreia de hoje na Sala de Cinema Ulysses Geremia. O longa, no entanto, muda completamente o tom na última meia hora, oferecendo ao espectador doses mais generosas do que todo fã de Neruda espera reconhecer numa obra que o homenageia: poesia. A narrativa abre com Neruda (vivido por Luis Gnecco, numa caracterização que o deixou muito parecido fisicamente com o escritor) já na posição de senador. Eleito em 1945, o político está no cerne de uma briga com o governo chileno por conta de suas posições de esquerda. O poeta comunista era incisivo em seus discursos e acabou se tornando alvo da polícia do país por criticar o presidente. O escritor, então, precisa se esconder e é exilado.

Leia mais:
3por4: Rala Bela convida estudantes de Moda para conhecer a fábrica 
3por4: Neste domingo tem festival Circuito Aberto em Caxias
3por4: Thomas Machado fará show em Caxias
3por4: Ouça com exclusividade versão da Yangos para clássico do Iron Maiden
Sábado será de autógrafos na Biblioteca Parque, em Caxias


O policial Peluchonneau, que caça Neruda em todos os cantos, é justamente quem narra a história sob voz e pele de Gael García Bernal. Essa escolha pode parecer estranha num primeiro momento. Afinal, é o policial quem apresenta Neruda ao espectador, apesar de estar contra ele. Mesmo com a missão de prender e humilhar o escritor, o policial parece obcecado por descobrir mais sobre sua ¿presa¿, buscando respostas no que ele escreveu nos livros ou espiando sua intimidade – junto com o espectador, claro.

Aos poucos, outras facetas além da política vão aparacendo e ajudam a compor o imaginário conhecido de Neruda. O lado mulherengo está ali, entretanto, o diretor preferiu mostrar com mais detalhes a relação do escritor com a pintora e aristocrata argentina Delia del Carril, uma de suas grandes paixões. É ela quem o acompanha durante a fuga e é ela quem chama a atenção do espectador para o momento mais especial do longa.

Pouco dá para falar sobre a última meia hora do filme sem estragar o que talvez seja a jogada mais inteligente do roteiro. O que se pode adiantar é que Larraín quis colocar a alma da escrita de Neruda nas ações dos personagens que estão na tela. Se na primeira hora de filme a política parece personagem principal, depois é a literatura que toma conta, mas de uma maneira bem nerudiana. Larraín quis brincar com a relação entre ficção e realidade, tal qual o escritor fazia. Aliás, uma de suas principais fontes para o filme foi uma travessia de Neruda pelos Andes narrada pelo próprio escritor quando ganhou o Nobel de Literatura em 1971. O episódio cheio de detalhes fantásticos povoou o desfecho da história que Larraín leva aos cinemas. ¿Um homem tão denso não caberia numa biografia tradicional¿, justificou o diretor em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo. 

Programe-se
:: O que: cinebiografia Neruda, de Pablo Larraínz
:: Quando: estreia hoje e fica em cartaz até 30 de abril, com sessões quintas e sextas, às 19h30min, e sábados e domingos, às 20h
:: Onde: Sala Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312)
:: Quanto: R$ 10 e R$ 5 (estudantes e idosos)
:: Duração: 108minz Classificação: 12 anos

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comCaxias do Sul e Bento Gonçalves receberão novos policiais militares na próxima semana https://t.co/oQ2Li689NA #pioneirohá 8 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPais reclamam de erro de diagnóstico em menino de seis anos no Postão 24h, em Caxias do Sul https://t.co/ea4vUdjyAd #pioneirohá 38 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros