Espetáculo "Abrazo" será atração neste domingo, em Caxias do Sul - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Teatro28/04/2017 | 07h00Atualizada em 28/04/2017 | 07h00

Espetáculo "Abrazo" será atração neste domingo, em Caxias do Sul

Peça do grupo Clowns de Shakespeare faz referência às ditaduras

Espetáculo "Abrazo" será atração neste domingo, em Caxias do Sul Pablo Pinheiro/divulgação
Tema sério foi transposto com leveza para uma apresentação que pode ser compreendida por todas as idades Foto: Pablo Pinheiro / divulgação
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Perseguições. Proibições que afetam o dia a dia. Se isso faz você lembrar da ditadura, acertou em cheio: o espetáculo Abrazo, que o grupo Clowns de Shakespeare apresenta domingo no Teatro do Sesc, em Caxias do Sul, é resultado de um projeto de pesquisa sobre as ditaduras latino-americanas realizado desde 2014 pela trupe de Natal (RN). Na trama, inspirada em contos d'O Livro dos Abraços, de Eduardo Galeano, vamos encontrar um país fictício em que as pessoas não podem sequer se abraçar. O contexto sufocante leva um menino a fugir de sua avó, partindo em busca de um mundo melhor.

— É uma peça que fala de afeto, liberdade e comunicação entre as pessoas — define Dudu Galvão, um dos integrantes do elenco.

Leia também:
Espetáculo "VaiqueuVoo" será a atração de domingo em Farroupilha
Agenda: Peça "Os Três Porquinhos ou Confissões de um Menino Levado" terá apresentações em Caxias
3por4: Galeria de Artes do Ordovás tem novo horário de funcionamento 

Pensada inicialmente para o público infanto-juvenil, a peça é hoje vista pelo grupo como voltada a todas as idades, com diferentes níveis de leitura de acordo com a faixa etária. Enquanto os mais jovens se identificam por vivenciar pequenas proibições no seu cotidiano, os mais velhos podem ver no vilão da história, um general encarnado por Galvão, traços de Augusto Pinochet, que governou o Chile, e na avó que corre atrás do neto uma representação das mães e avós da Praça de Maio, na Argentina. E embora o Brasil não seja inicialmente o foco da peça, é impossível não recordar que também tivemos nosso período sob um governo militar.

Sem falas (será que até se comunicar é proibido ali?), o espetáculo é pontuado por uma trilha sonora especialmente pensada pelo diretor Marco França, com uma sonoridade específica para cada um dos seis personagens. Esses personagens, aliás, apresentam-se em duplas: a criança, fio condutor do espetáculo, e sua avó; uma florista e seu apaixonado; e o general-vilão e seu soldadinho, que representam o sistema. As cenas, fragmentadas, são ainda mescladas a um vídeo de animação que narra a aventura do menino-protagonista.

Galvão conta que Abrazo integra uma trilogia sobre ditaduras, pensada em 2014 pelo Clowns de Shakespeare para marcar os 50 anos do Golpe Militar. As outras duas peças são Nuestra Senhora de Las Nuvens, que aborda o exílio, e Dois Amores Y Um Bicho, sobre a opressão dentro de casa.

O espetáculo marca a abertura das apresentações locais da 20ª edição do Circuito Nacional Palco Giratório, promovido pelo Sesc.

O Palco Giratório

A programação do Palco Giratório Sesc em Caxias do Sul terá, além de Abrazo, três outros espetáculos até o final do ano.

O próximo será o circense Os Mequetrefe, da Cia. Parlapatões (SP), no dia 3 de junho, e na sequência vêm Lete, da Beradera Companhia de Teatro (RO), em 3 de agosto, e Hamlet: Processo de Revelação, do Coletivo Irmãos Guimarães (DF), em 17 de outubro.

Agende-se
O que:
peça Abrazo, do grupo Clowns de Shakespeare (RN)
Quando: domingo, dia 30 de abril, às 17h
Onde: Teatro do Sesc (Rua Moreira Cesar, 2.462), em Caxias do Sul
Quanto: 2kg de alimentos não perecíveis

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPolícia Civil conclui que comerciante foi morta em discussão sobre troco de cerveja em Caxias do Sul https://t.co/Q7gYdIVYWX #pioneirohá 8 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.com"Queremos sonhar um pouco mais alto", diz presidente do Juventude após manter Tiago Marques no Jaconi https://t.co/U2tj5MNfoH #pioneirohá 8 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros