Nestor Jr. abre mostra "Refazenda" nesta quinta-feira, em Caxias do Sul - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Artes plásticas29/11/2016 | 13h15Atualizada em 29/11/2016 | 13h15

Nestor Jr. abre mostra "Refazenda" nesta quinta-feira, em Caxias do Sul

Galeria Municipal Gerd Bornheim sedia a mostra do artista catarinense

Nestor Jr. abre mostra "Refazenda" nesta quinta-feira, em Caxias do Sul Nestor Jr./divulgação
Sensualidade e elementos naturais se mesclam na obra do artista, que expõe pela primeira vez na cidade Foto: Nestor Jr. / divulgação
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Nestor Jr. não gosta de polemizar. Embora a sensualidade seja uma marca de sua obra, o artista catarinense _ que já expôs na França, na Itália, na Espanha e em Portugal — procura tornar esse elemento o mais sutil possível, sem exageros.

— Gosto de pesquisar o corpo, de buscar a naturalização do sensual — explica Nestor, que abre na quinta-feira sua primeira exposição em Caxias do Sul, Refazenda, na Galeria Municipal Gerd Bornheim.

Leia também:
Voluntários transformam paisagem e inserem beleza no cotidiano de Caxias
Marcos Kirst: o legado das areias

Aos 32 anos e com mais de uma década de dedicação à arte, Nestor traz a Caxias um apanhado de sua produção entre 2010 e 2015. As cerca de 30 obras, escolhidas com a curadoria de Mona Carvalho, transitam pelas diversas técnicas que o artista já experimentou, da aquarela, sua preferida, até a gravura em metal, que trabalhou durante uma residência artística na Bélgica, passando ainda por desenho, guache, acrílica, xilogravura e linoleogravura.

Quase todas são técnicas que se trabalha em papel, por isso as peças são de dimensão pequena a média, de 30 centímetros a um metro. O nome da mostra, Refazenda, faz referência à música homônima de Gilberto Gil.

— Como esta é a minha primeira exposição na região, eu e a Mona resolvemos fazer uma espécie de retrospectiva. Não há um único conceito pautando as obras, mas lembrei da música, que fala em voltar às coisas da natureza, e sempre busquei ressignificar esses elementos naturais no meu trabalho — explica Nestor.

Nas obras expostas, a natureza aparece por meio de plantas que se fundem a corpos, amplificando o conceito de sensualidade natural buscado pelo artista.

Refazenda poderá ser visitada até 14 de janeiro.

Trabalhos escolhidos para a exposição fazem uma retrospectiva do trabalhos recentes de Nestor Jr. Foto: Nestor Jr. / divulgação

Agende-se
O que:
exposição Refazenda, de Nestor Jr.
Quando: abertura quinta, dia 1º/12, às 19h30min; visitação a partir do dia 2, até 14 de janeiro, de segunda a sexta, das 8h30min às 17h, e aos sábados, das 10h às 16h
Onde: na Galeria Municipal de Arte Gerd Bornheim (Rua Dr. Montaury, 1.333), na Casa da Cultura, em Caxias do Sul

Oficina

No sábado, dia 3 de dezembro, à tarde, o artista ministrará uma oficina da técnica aquarela, projeto que já circulou em diversas cidades do país. As vagas são limitadas e os interessados devem se inscrever pelo email nestordesenho@gmail.com. 

Obras poderão ser conferidas até o dia 14 de janeiro Foto: Nestor Jr. / divulgação


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.com"Quem fala pela transição não é o vice, é a coordenação-geral", diz prefeito eleito de Caxias do Sul https://t.co/jEpP5ESH1f #pioneirohá 6 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comVice-prefeito eleito de Caxias pede desfiliação do PRB https://t.co/s9pmLLKOiy #pioneirohá 8 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros