Saiba quando usar a pílula do dia seguinte e até quantas horas tem eficácia  - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Falando de Sexo 02/10/2016 | 09h59Atualizada em 02/10/2016 | 10h12

Saiba quando usar a pílula do dia seguinte e até quantas horas tem eficácia 

Sua ação interrompe ou inibe a ovulação, agindo na modificação do ambiente nas trompas, dificultando o encontro dos espermatozoides com o óvulo e na alteração do endométrio. 

Andrea Alves e Lúcia Pesca

falandodesexo@diariogaucho.com.br


A minha amiga comentou que tomou a pílula do dia seguinte mais de uma vez e que, por isso, não costuma ingerir nenhum anticoncepcional.Segundo ela, qualquer coisa que aconteça, toma o tal comprimido. Mas a minha dúvida é: como funciona mesmo esta pílula do dia seguinte e quando costuma ser indicada pelos médicos para a gente tomá-la?  

A pílula do dia seguinte é uma medicação de emergência que serve para impedir a gravidez quando houve uma relação sexual de risco e quando não se pretende ter filho. Costuma ser indicado recorrer ao seu uso quando nenhum método anticoncepcional foi utilizado até então, quando a camisinha rompe, quando a relação sexual acontece no período fértil, sem o uso de preservativo, quando a mulher toma pílula anticoncepcional regular, mas se esquece de ingerir dois ou mais comprimidos no mesmo ciclo menstrual e quando ela foi vítima de um ato de estupro.

Efeito


O que a pílula do dia seguinte faz é interromper ou inibir a ovulação, agindo na modificação do ambiente nas trompas, dificultando o encontro dos espermatozoides com o óvulo e na alteração do endométrio, evitando que o útero tenha condições de receber o óvulo fecundado. Funciona bem, mas não é 100% eficaz.

Seu efeito será melhor se for tomada o mais próximo possível da situação de risco.Terá 95% de chance de eficácia nas primeiras 24 horas, 85% entre 25 horas e 48 horas e 58% entre 49 horas e 72 horas.

Se a pílula do dia seguinte for usada mais de uma vez em um mesmo ciclo, diminui a eficácia também — por isso, este comprimido não deve substituir os métodos anticoncepcionais de uso regular.

Leia mais sobre Falando de Sexo

Se tiver dúvidas e sugestões, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br

 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comJuventude Futsal vai disputar a Liga Nacional de 2017 https://t.co/95xyGkxJGH #pioneirohá 10 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comFicar apenas no aeroporto revela falta de sensibilidade de Michel Temer https://t.co/nc5yEaSGn3 #pioneirohá 10 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca