Banda Moeda Rara lança EP produzido por Rick Bonadio, nesta terça - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Música06/09/2016 | 13h00Atualizada em 06/09/2016 | 13h00

Banda Moeda Rara lança EP produzido por Rick Bonadio, nesta terça

Grupo tem três caxienses na formação

Banda Moeda Rara lança EP produzido por Rick Bonadio, nesta terça Gustavo Vargas/Divulgação
Show será na sede social do Recreio da Juventude Foto: Gustavo Vargas / Divulgação

Músicos caxienses e amigos de longa data, o guitarrista Bruno Machado, o baixista Joce Cristovão e o baterista Diego De Toni já haviam se trombado várias vezes em projetos, palcos e afins. A partir do início deste ano, no entanto, o trio tem se aventurado numa nova e diferente aposta ao lado do vocalista porto-alegrense Gabriel Levan (participante da primeira edição do The Voice Brasil). O quarteto se converteu na banda Moeda Rara, que lança seu primeiro EP nesta terça, em apresentação no Recreio da Juventude.

— Nessa banda, a ideia em comum era um som mais puxado para o rock, que era o que já fazíamos, mas que tivesse uma aceitação popular, que chegasse a um número mais expressivo de pessoas, pensando em proporções maiores de mercado — comenta Bruno Machado.

Os guris tinham ainda em comum a prévia amizade com o caxiense Geraldo Aita, peça fundamental na formatação das músicas próprias do primeiro trabalho. Ainda na versão demo, o disco foi enviado à apreciação de Rick Bonadio, um dos nomes mais expressivos da produção musical no Brasil e que carrega no currículo parcerias com campeões de vendagem como Mamonas Assassinas, Charlie Brown Jr., CPM22, NX Zero, etc. O tiro no escuro resultou num convite para gravação do álbum oficial no Midas Studios, sob direção artística e produção de Bonadio.

— Eles têm uma estrutura muito envolvente, a gente se sente muito bem cuidado, bem assessorado. É todo mundo muito competente lá, foi muito bonito fazer parte dessa experiência toda. Eles tiram o melhor de ti — elogia Gabriel Levan.

A aposta da Moeda Rara é no pop rock romântico, com levadas de guitarra que — assim como as letras — alternam momentos mais pesados e mais suaves. Uma das principais referências do grupo é a recém-extinta Reação em Cadeia. A voz de Levan inclusive lembra o timbre de Jonathan Correa e tem potencial para agradar em cheio aos órfãos da banda.

— O Reação está presente nas nossas músicas sim, fomos marcados pelo som da banda. Mas é um pouco estranho estar nessa posição, tem uma carga bem diferenciada, ainda que positiva. Espero que sejamos dignos de carregar o rock gaúcho como eles fizeram — comenta o vocalista, influenciado ainda por vozes como as de Robert Plant, Jim Morrison, Eddie Vedder, Sting, Bono Vox, etc.

O ex-guitarrista do Reação, Daniel Jeffman, inclusive participará do show de lançamento do disco, hoje. No repertório, as cinco canções do EP homônimo, além de alguns covers nacionais e internacionais, como Pearl Jam e Cazuza. Depois da estreia em solo caxiense, o quarteto pretende bater asas rumo ao centro do país.

PROGRAME-SE
O que: lançamento do disco do Moeda Rara
Quando: nesta terça, às 20h
Onde: sede social do Recreio da Juventude (Pinheiro Machado, 1.762)
Quanto: R$ 5, à venda antecipadamente na secretaria do Recreio da Juventude (Atílio Andreazza, 3.525), ou sede do Guarany (Fúlvio Minghelli, 713)  

Veja o clipe


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros