Série de 10 livros infanto-juvenis traz Dom Quixote para os tempos atuais - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 

Literatura28/04/2016 | 07h00Atualizada em 28/04/2016 | 07h00

Série de 10 livros infanto-juvenis traz Dom Quixote para os tempos atuais

Obras são de autoria do escritor Uili Bergamin, fã de Miguel de Cervantes

Série de 10 livros infanto-juvenis traz Dom Quixote para os tempos atuais Reprodução/
Em 2016, personagem enfrenta desafios como o trânsito caótico, a política, o ingresso na universidade e a saúde pública Foto: Reprodução
Maristela Scheuer Deves
Maristela Scheuer Deves

maristela.deves@pioneiro.com

Fã e estudioso de Dom Quixote, clássico do espanhol Miguel de Cervantes — autor cuja morte completou 400 anos no último sábado, 23 de abril —, o escritor Uili Bergamin acaba de encarar uma tarefa e tanto: escrever uma série de 10 livros infanto-juvenis trazendo o personagem para os dias atuais.

Publicação da Editora Correa, As Novas Aventuras de Dom Quixote troca os moinhos de vento por desafios cotidianos, como o trânsito caótico, a tecnologia, o ingresso na universidade e vários outros.

Na trama, Quixote e seu fiel escudeiro, Sancho Pança, são enviados para 2016 devido a uma maldição do Mago Frestón, e precisam enfrentar 10 obstáculos, um a cada livro. Para não ficarem perdidos nesse futuro desconhecido, eles ganharam um guia, o próprio autor, que se tornou também um personagem:

— Foi um prazer indescritível fazer essa série. Me diverti pra caramba, ria muito enquanto escrevia. Foi uma experiência única.

A cada livro, encontramos Dom Quixote em um cenário ou situação diferente: No Trânsito, Na Floresta, No Lixão, No Shopping, Na Praia, Na Escola, Na Política No Vestibular, No Hospital e No Templo.

Bergamin garante que, mesmo trazidos para um ambiente e um tempo completamente diferentes dos originais, os personagens não perdem sua essência.

— Há um sério trabalho de pesquisa por trás dessa obra aparentemente humorística. Respeito demais a obra, mantive a maneira de eles pensarem, falarem, agirem — diz.

Além da história, há também em cada volume um resumo do clássico original e um pouco da vida de Cervantes. A ideia, segundo o autor, é instigar os leitores para que busquem o original, considerado o melhor de todos os tempos.

— Pode ser uma porta de entrada, já que o original não é uma leitura tão acessível.

As ilustrações são de Marli Ávila e Lorena Marcos. O box da coleção, com os 10 volumes, custa R$ 150, e cada livro avulso (de 24 páginas), R$ 15.

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros