Sociedade: quer saber mais sobre o candidato a prefeito Adiló Didomenico? - Colunas do João Pulita - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

SOCIAL20/10/2020 | 06h10Atualizada em 20/10/2020 | 06h10

Sociedade: quer saber mais sobre o candidato a prefeito Adiló Didomenico?

 Confira, também, outras fotos da coluna social desta terça-feira

Sociedade: quer saber mais sobre o candidato a prefeito Adiló Didomenico? Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Quarenta perguntas para Adiló Didomenico

O candidato do PSDB a prefeito de Caxias do Sul, Adiló Didomenico, 68 anos, filho de Antonio Didomenico e Maria Angela Endrigo Didomenico (in memoriam), natural do município de Marau, é viúvo de Célia Maria Didomenico, pai de Cintia, Diego e Gustavo Didomenico e Bianca Didomenico Seitenfus e é o primeiro a participar do ciclo de entrevistas realizadas pela coluna com os postulantes ao cargo. Nas edições de terça a sextas-feiras, todos os 11 candidatos expressarão suas ideias por meio do Questionário Proust, que consiste em uma série de perguntas sobre a personalidade, que ficaram famosas após a popularização das respostas do escritor francês Marcel Proust com a publicação de seu álbum de confissões. As respostas de todos foram colhidas simultaneamente e vêm sendo publicadas em ordem alfabética.

Qual é a sua ideia de felicidade plena? Felicidade plena é quando a pessoa consegue realizar os seus sonhos, mesmo que em partes, pois ninguém consegue realizar todos, e ter uma convivência fraterna com os familiares, especialmente.

Qual é o seu maior medo? Superaquecimento global.

Qual é a característica que mais detesta em si mesmo? Perfeccionista ao extremo.

Qual é a característica que mais detesta nos outros? Falta de sinceridade.

Que pessoa viva mais admira? Mansueto Serafini Filho, no âmbito local, pelo seu legado e no âmbito mundial, Elon Musk, pela visão de futuro.

Qual é a sua maior extravagância? Tiro ao prato.

Qual é o seu estado de espírito mental? Serenidade.

Qual considera ser a virtude mais sobrestimada? A honestidade. As pessoas superestimam a honestidade, quando na verdade, ela é uma obrigação.

Em que ocasiões mente? Quando em visita a algum amigo, que estava desenganado pelos médicos.

O que menos gosta na sua aparência? Deus me concedeu um corpo perfeito. Estou satisfeito.

Que pessoa viva mais despreza? Não costumo nutrir esse tipo de sentimento.

Qual a característica que mais aprecia nos homens? Habilidades esportivas.

Qual a característica que mais aprecia nas mulheres? Intuição.

Que palavras ou frases usa excessivamente? “Ma Dio!”

O que ou quem é o maior amor da sua vida? Meus filhos e neta.

Onde e quando foi mais feliz? Quando construímos a nossa primeira casa.

Que talento mais gostaria de ter? Habilidades musicais.

Se pudesse mudar uma característica em si, o que seria? Deixar de ser exigente comigo mesmo.

Qual considera ser a sua maior conquista? A recuperação da CODECA, tornando-a referência nacional.

Se morresse e voltasse, que pessoa ou coisa seria? Gostaria de ser eu mesmo, mas corrigindo alguns equívocos.

O que mais valoriza nos seus amigos? A lealdade.

Quem é o seu artista favorito? Clint Eastwood.

Quem é o seu herói da ficção? Batman.

Com que figura histórica mais se identifica? John Kennedy.

Quem são os seus heróis da vida real? Devido às circunstâncias atuais, os profissionais da saúde.

Quais são os seus nomes favoritos? Cintia, Diego, Bianca, Gustavo e Helena.

Do que é que menos gosta? Filas.

Qual é a sua aversão de estimação? Guardar revistas velhas.

Qual é o seu maior arrependimento? Não ter tirado mais férias ao longo da vida.

Como gostaria de morrer? Dormindo.

Qual é o seu lema de vida? Como não posso mudar o passado, busco melhorar o futuro.

Qual considera ser o seu maior infortúnio? A perda da minha esposa Celia Didomenico (in memoriam).

Como gostaria de ser? Mais eloquente.

Qual é a sua asneira favorita? Quando tem uma boca do fogão acesa reutilizar um palito de fósforo para acender outra boca.

Onde gostaria mais de viver? Não trocaria Caxias do Sul por nenhum outro lugar.

Qual é o bem mais valioso que tem? Minha família.

Qual considera ser a maior profundidade da miséria? Moradores de rua.

Qual é a sua ocupação favorita? Cuidar do jardim.

Qual é a sua característica mais assinalável? A paciência.

Se Deus existisse, o que gostaria que ele lhe dissesse? Creio na existência de Deus. Gostaria que ele me dissesse que as pessoas irão melhorar a sua relação com a natureza.

Vanessa Fortes Tonietto, Maria Eduarda Tonietto e Roberto Tonietto, juntos, celebraram domingo a chegada dos oito anos de Maria Eduarda, com festa na Casa CinquentenárioFoto: Rafael Sartor / Divulgação

Ingrediente

A Escola de Gastronomia da Universidade de Caxias do Sul promete transformar cozinheiros diletantes em chefs. Entre os dias 1 de dezembro deste ano até 25 de junho de 2021 a instituição realizará o curso de extensão de Chef Executivo Internacional UCS/ICIF, com 1.020 horas, que executará todas as técnicas culinárias, panificação, confeitaria, cozinhas do mundo e até gestão aplicada a empreendimentos gastronômicos. Além disso, por conta da parceria selada há muito com o Italian Culinary Institute for Foreigners, os alunos poderão estudar na escola italiana com investimento acessível.

Clique e confira outras edições da coluna social de João Pulita

Gabriela Kehl trabalhou com afinco e foi voluntária no almoço benemerente “Feijoada Mão Amiga”, domingo Foto: João Pulita
Paula e Silvio Viezzer foram os dedicados organizadores da Feijoada Mão Amiga realizada, domingo, em sistema drive-thru Foto: João Pulita
Rosane Ferreira Pulita, Maximiliano Pulita e Karen Panizzon do grupo que colaborou com a Feijoada Mão Amiga, realizada domingo Foto: João Pulita
Sandro Panassol e Juliano Veiga também estiveram ao sabor da feijoada Mão Amiga, na casa de Gabriela Kehl Foto: João Pulita
Amanda Susin Nora entre as presenças jovens no encontro de domingo, que reuniu um pequeno grupo em clima open air para colaborar com a proposta filantrópicFoto: João Pulita

Vitrine

Sempre elegante, o arregimentador de personalidades Vitor Raskin, festejado criador do projeto Deu o Chic, uma janela online sobre comportamento, cultura e gente bonita, promete movimentar o circuito da moda na capital gaúcha, com a chancela da renomada grife italiana Gucci. É ele quem agenda pessoalmente as visitas protocoladas para a apresentação da Coleção Outono Inverno 2020 da marca. A função ocorrerá entre os dias 21 e 24 de outubro, das 10h às 20h, na Suíte Royal, do Hotel Radisson, nos domínios da Avenida Coronel Lucas de Oliveira, no Bairro Bela Vista, em Porto Alegre.

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros