Sociedade por João Pulita - Colunas do João Pulita - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

SOCIAL24/06/2020 | 06h10Atualizada em 24/06/2020 | 06h10

Sociedade por João Pulita

Veja a coluna social desta quarta-feira!

Sociedade por João Pulita Simone De Antoni Perini / Divulgação/Divulgação
Henrique Buneder e Aline Paim ao sabor da gastronomia do chef Vicente Perini Filho Foto: Simone De Antoni Perini / Divulgação / Divulgação

Vibração

A guardiã do Centro Holístico Semeando Luz, Thanya Lima realiza, hoje e amanhã, o curso “A Numerologia Como Ferramenta para a Transformação”. Ela conta que na ocasião o aluno será capaz de desvendar sua missão de vida. O convite de Thanya para a busca do autoconhecimento, neste momento de transição pelo qual o mundo passa, poderá ser realizado por meio do e-mail contato@thanyalima.com.br. Serão duas aulas online e ao vivo entre 19h e 20h40min.

Clique e confira outras edições da coluna social de João Pulita

Maria Ines Brogliato e Ricardo Pastori celebrando a vida à dois e explorando o roteiro gastronômico da cidade Foto: Simone De Antoni Perini / Divulgação

Conexão da Beleza

Depois de ter ministrado com sucesso, em maio, uma live no Instagram sobre cuidados e tratamentos da pele para o outono/inverno, a médica, Grasiela Monteiro, dividirá o protagonismo de uma aula online, amanhã, as 19h30min, com o colega da especialidade, o dermatologista André Braz. O tema da vez será a nova técnica de preenchimento facial criada pelo carioca, depois de quase duas décadas de estudos, que respeita os quatro tipos de formatos do rosto - angulado, coração, oval e redondo - e o processo de envelhecimento de cada um. O método utiliza o produto israelense Harmonyca e o manual foi elaborado com a participação da caxiense Grasiela, uma das pioneiras no Brasil a oferecer a inovadora técnica. A aula online será transmitida para médicos injetores de todo o Brasil pela Plataforma USK Connect, exclusiva para profissionais da medicina.

Celito Campagnaro de Oliveira e Cristiane Pelin em recente circuito para mapear o Sebastiana, de Manuela Zatti Foto: Fabio Grison / Divulgação
O designer Iuri Lobato e a dentista Alessandra Mondadori Garcia comemoraram um ano de noivado, no romântico e bucólico, Tedesco Eco Park, em São Francisco de Paula Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

Janela

A bento-gonçalvense Cristine Tedesco, doutora em História pela UFRGS, com período de bolsa Erasmus Plus na Università Ca’Foscari de Veneza, mestra em História pela UFPel e licenciada em História pela UCS, a premiada escritora que, recentemente, lançou o livro Artemisia Gentileschi: trajetória biográfica e representações do feminino (1593-1654), faz mais. Ela engata a divulgação de um novo curso online de História da Arte com aulas ao vivo, interessados podem contatar em @cristinetedesco

.

A Roda Viva da Vida!

Sérgio André FlorianFoto: Augusto Biegelmeyer Florian / Divulgação

O executivo Sérgio André Florian, 54 anos, filho de Julio Angelo Florian e Zulmira Mazzochi Florian (in memoriam), é o nosso personagem do dia, conhecido pela intensidade criativa e produção incansável. Graduado em Marketing, o empresário, marido de Marlise Biegelmeyer e pai dos jovens André e Augusto Biegelmeyer Florian, divide os dias atuando em várias frentes, como no segmento da representação comercial e ao lado da esposa, por conta de sua paixão pelo ciclismo, no comando da Bike Place. Conheça um pouco do pensamento de gratidão, coragem e determinação, deste taurino que foi presidente do Esporte Clube Juventude, na gestão 2008/2009!

O que te faz remontar a infância? Os dias frios de inverno em que os meus queridos pais nos levavam as “soponas” de café com leite no sótão da casa de madeira na Rua Bento Gonçalves.  

Ao lado de quem gostaria de ter sentado na época da escola? Ao lado de minha mãe, Zulmira Mazzochi Florian, uma mulher com sabedoria na alma.

Gostaria de ter sabido antes... que todas as coisas são infinitamente mais simples, quando estamos predispostos a descomplicar. 

Qual a passagem mais importante da tua biografia e que título teria se fosse uma obra? O nascimento dos meus filhos, André e Augusto. O título seria: O Melhor da Vida Começa Agora.

Com que mensagem encara o mundo? Não existiria som, se não houvesse o silêncio, não haveria luz se não fosse a escuridão. A vida é mesmo assim, dia e noite, não e sim.

Frase máxima? Ter uma atitude assertiva é simplesmente uma decisão de vida. 

Se tivesse vindo ao mundo com uma legenda ou bula, o que conteria nela? Produto simples e confiável.

A melhor invenção da humanidade? Certamente não a melhor, mas uma das grandes e muito importantes no atual momento: a bicicleta.

Como e quando surgiu o gosto por andar de bike? Desde a adolescência quando entre amigos, cruzávamos a cidade em busca de discos voadores. Inimaginável nos dias de hoje.

Levando em consideração o fato de o ciclismo ser um esporte sustentável e muito utilizado como alternativa de transporte contemporâneo, como vislumbra a adesão desta prática com o passar dos anos? Estamos vivendo um dos momentos mais delicados de toda a nossa história recente e o ciclismo será seguramente uma das principais alternativas de mobilidade, com enormes benefícios ao meio ambiente, possibilitando às pessoas o acesso a saúde física e mental, além de promover uma inigualável condição de inclusão social. 

Quais têm sido os grandes desafios do ciclismo no Brasil, em comparação ao cenário mundial? A ausência de políticas públicas para que se torne uma questão cultural, como já é consolidado em países de alto Índice de Desenvolvimento Humano. 

Quais as funções que exerce? Tenho uma empresa de representações, que atende o Grupo Coventya Química há quase trinta anos. Recentemente a Bike Place se tornou um novo empreendimento.

Como encontrar o equilíbrio? Com paciência e acreditando sempre que o trabalho profissional, mas com uma boa dose de paixão, é a mistura mais adequada.

Como profissional com formação em Marketing, o que é a alma do negócio? Entender quais os sonhos das pessoas e colocar toda a sua energia para realizá-los. 

Existe um segredo para o sucesso do empreendedor contemporâneo? Paixão pelo o que faz, seguindo seus sentidos e jamais deixando de acreditar nas pessoas, mesmo que por vezes possam ocorrer decepções. 

De que forma considera que o mundo será impactado pós pandemia da Covid-19? Acredito que viveremos sob uma nova ordem mundial, com novos hábitos pessoais e profissionais. Espero que as pessoas percebam o valor das pequenas coisas à sua volta. Um simples abraço ou um aperto de mão, terão certamente um significado menos protocolar à partir de agora. A vida e a sua qualidade serão protagonistas e coadjuvantes ao mesmo tempo, inevitavelmente inseridas em um mesmo contexto. 

Com que personagens históricos identifica sua trajetória? Charles Darwin, não pela ótica da seleção natural das espécies, mas pela necessidade e exercício da constante evolução como ser humano. 

Um livro para ser lido várias vezes e um filme para se rever: Não um, mas sim dois livros: Antídoto Apocalíptico e A Virtude Está Nos Livros, de dois grandes amigos/irmãos que a vida me proporcionou, Zico Zugno e Ivo Roberto Dall’Agnol, respectivamente. Um filme, O Nome Da Rosa, baseado no romance do escritor italiano Umberto Eco, adaptado ao cinema em 1986 pelo diretor Jean-Jacques Annaud.

Que músicas não saem da sua playlist? Why Can’t We Together, de Timmy Thomas; Theme From Shaft, de Isaac Hayes; Papa Was A Rollin’Stone, de The Temptations; This Is Not America, de David Bowie. 

Um hábito que não abre mão? Tocar violão. 

Qual a palavra mais bonita da língua portuguesa? Gratidão.

O que mais respeita no ser humano? O seu respeito pelo outro. 

Tempo é uma questão de... ótica individual. 

Traço marcante de sua personalidade? Emotividade.

Um defeito: teimosia.

Uma qualidade: o “parafuso” do bom senso bem ajustado.

Reflexão de cabeceira? As coisas que fiz e não deram certo jamais me incomodarão, porém as que deixei de fazer por falta de coragem, estas sim serão eternamente implacáveis comigo.


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros