Sociedade por João Pulita - Colunas do João Pulita - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

SOCIAL21/05/2020 | 06h10Atualizada em 21/05/2020 | 06h10

Sociedade por João Pulita

Veja a coluna social desta quinta-feira!

Sociedade por João Pulita Ana Salvi / Divulgação/Divulgação
Fernanda, Nina e Carolina Marques Guerra, a ala feminina do clã de Mauro Guerra, ensaia, em casa, projetos para tirar do papel Foto: Ana Salvi / Divulgação / Divulgação

Trinca

A psicóloga Fernanda Marques Guerra, a mãe, Nina Guerra e a mana, a make-up artist Carolina Marques Guerra estão em sitonia nesta temporada. Depois de colaborarem em ações filantrópicas colocam no papel ideias familiares e profissionais para o futuro.

Clique e confira outras edições da coluna social de João Pulita

Felipe Burg e Deivison Furtado as voltas com a produção dos trajes masculinos que levarão à passarela do desfile ao redor dos 36 anos da Liga Feminina de Combate ao Câncer Foto: Ana Salvi / Divulgação

Telúricos

Ao mesmo tempo em que cuida dos afazeres no sítio Caminhos da Floresta, no interior de Caxias do Sul, o músico Marco Gottinari já começa a colher frutos pelo disco Xondaro, lançado no início deste mês pelas plataformas digitais. Este é o terceiro trabalho musical do artista cuja proposta mistura sons da natureza em harmonia com uma música inspirada por valores que defendem a ecologia. O disco saiu pelo selo Porangareté, idealizado por Cássia Eller e implementado pelo filho dela, Chico Chico, que também canta em uma das oito faixas do trabalho. Gottinari e sua companheira, a médica Andrea Basso, são também agroecologistas que têm banca na já tradicional Feira Ecológica, realizada todos os sábados na Praça das Feiras.

Rita e Cristiano Berti celebraram, em Gramado, Bodas de Renda pelos 13 anos de união Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

Linkados

A professora e curadora de moda, Beth Venzon troca figurinhas em live, hoje, às 19h, com o cerimonialista Sidnei Staudt. A dupla discorrerá em debate sobre comportamentos e tendências. Acompanhe no perfil do Instagram @bethvenzon

Chris Finger e Caroline Rech apresentam, sábado, a primeira edição do projeto aMANHÊsendo On-line Foto: Denise Boff / Divulgação

Berço

A jornalista Chris Finger e a relações públicas Caroline Rech promovem a primeira edição do projeto aMANHÊsendo On-line, para conversar, no sábado, dia 23, às 10h, nas páginas do Facebook do aMANHÊsendo e da Bitcom TV, com o escritor Gabriel Carneiro Costa e Dani Junco, fundadora da B2Mamy.

Vem aí!

Miucha Sinhor, diretora da grife Montefina compartilha conhecimento em live sobre “Moda, Design e Arte” com o estilista e artista plástico, Sergio Lopes. Unidos em um propósito, falarão hoje, às 21h, pelo perfil do Instagram @montefina sobre os caminhos da nova realidade.

.

A Determinada Imersão de Felipe

Felipe Debiasi GiovanellaFoto: Juliano Vicenzi / Divulgação

Felipe Debiasi Giovanella, 23 anos, filho de Cassiano Ricardo Giovanella e Veranice Debiasi Giovanella, é uma das estrelas das águas e do time de atletas medalhistas do Recreio da Juventude. Persistente como todo bom nativo do signo de Escorpião, este atleta formado em Engenharia Mecânica e projetista, não para. Disciplinado, Felipe, que na infância também lutou taekwondo, corre e nada em busca de ainda mais reconhecimento de seus esforços. Entre os prêmios - ele possui 56 medalhas - os que mais se orgulha figuram o Bronze na categoria 50m costas no Campeonato Estadual pelo Recreio da Juventude em 2006, o Ouro nos 50m peito do Campeonato Estadual do Sesi em 2014 e a medalha de Prata nos 200m medley no Estadual de Inverno em 2019. Mergulhe nos ensinamentos deste jovem e promissor caxiense!

Qual sua melhor lembrança da infância? Não tenho uma lembrança específica, mas quando penso na infância, minha memória remete a inocência, quando minha única preocupação era ir bem na escola.

O que gostaria que todos soubessem: respeitar o próximo.

O que te tira do sério: me acusarem por algo errado que eu não cometi.

Filme para assistir inúmeras vezes: A saga Star Wars, do diretor J. J. Abrams.

Quais músicas não saem da sua playlist? Sou bem eclético, mas minhas preferidas são do gênero pop e sertanejo.

Se pudesse voltar à vida na pele de outra pessoa, quem seria? Do investidor norte-americano, Warren Buffett.

Traço marcante de sua personalidade? Gosto de escutar os dois lados de uma história, antes de tomar uma decisão.

Gostaria de ter sabido antes... investir em ações.

Qual a ideia de um dia perfeito? Conhecendo um lugar novo, uma nova cultura.

Se tivesse vindo ao mundo com uma legenda ou bula, o que conteria nela? Enjoy the journey, do inglês aproveite a jornada!

Um hábito que não abre mão? Correr diariamente.

Como a natação aconteceu na sua vida e porque decidiu competir? Comecei a nadar quando era criança, depois parei por alguns anos em virtude da falta de tempo, entre dividir as aulas na escola e no Senai e mais tarde com trabalho e o curso de graduação, mas nunca abandonei as raias e participava das competições pelo clube. 

Durante as competições, além da preparação física o que mais é importante? O aspecto psicológico é fundamental, não importa treinar o ano inteiro se a sua mente não estiver focada no objetivo principal, você vai falhar. Este ano, o César Cielo fez uma clínica no Recreio da Juvenude e falou sobre as Olimpíadas de 2008, foi um ano em que ele fez tudo certo, treinou forte, se alimentou corretamente, mas o seu psicológico estava olhando na direção errada. Ele quase não conseguiu se classificar para a final dos 100m livres, ficando na última colocação. No dia, ele chegou cedo na piscina, começou a refletir, olhar seus concorrentes, lembrou que já havia ganhado de vários deles e seu psicológico mudou. Naquela ocasião, ele alcançou o terceiro lugar e posteriormente, ganhou o ouro nos 50m livres, ou seja, ele apenas redirecionou a atenção.

Que conselho daria a quem deseja seguir a carreira de nadador profissional? Esqueça festas e treine todo dia.

A partir do momento em que decidiu competir, como foi sua dedicação, preparação e motivação? Me dedicando ao máximo no treino e com alimentação regrada. Minha família sempre me apoiou e como minha namorada, Ana Luísa Susin, é nutricionista e sempre me ajuda nessa questão. Eu busco superar o meu próprio tempo e as conquistas tornam-se consequências deste esforço.

É comum saber que os atletas vivenciam muitas dificuldades no decorrer da carreira esportiva, é assim também com você? Sim, tratando-se em específico de atletas amadores, o mais difícil é conciliar toda a rotina com a prática da atividade esportiva.

O que fazer para se manter saudável em casa, neste período em que os treinos estão suspensos? Faço exercícios em casa e mantenho uma boa dieta.

Em termos gerais, quais são, em sua opinião, os benefícios da natação? O principal é a saúde, mas a natação me ajuda em outros aspectos, como por exemplo, a criar resistência na corrida e aliviar o estresse de um dia intenso.

Como concilia a sua formação como engenheiro mecânico e a natação? Trabalho das 7h às 17h e corro ou nado à noite. A prática destas atividades auxilia a mente. Esportes individuais como a natação, ajudam muito neste sentido. Enquanto está nadando, é uma competição interna entre o seu corpo e sua mente, não depende de mais ninguém. Me ensinou a criar objetivos e a conhecer meu corpo, ajudam a refletir e tomar decisões coerentes.

Uma qualidade: otimista.

Um defeito: crítico.

Não vivo sem: celular.

Uma palavra-chave: determinação.

A melhor invenção da humanidade? Internet.

Reflexão de cabeceira? Honestidade acima de tudo.

Qual a palavra mais bonita da língua portuguesa? Reciprocidade.


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros