3º CineSerra abre inscrições para ficções, documentários e clipes nesta segunda - Pioneiro

Versão mobile

Aceitam-se filmes09/08/2015 | 18h08

3º CineSerra abre inscrições para ficções, documentários e clipes nesta segunda

Serão aceitos trabalhos produzidos no certame regional e estadual

Estão abertas, a partir de segunda-feira, as inscrições para o Festival do Audiovisual da Serra Gaúcha (CineSerra). A iniciativa conta com financiamento da Lei Municipal de Incentivo à Cultura e chega à terceira edição.

Podem participar curtas e médias (documentário e ficção) com até 30 minutos de duração, além de videoclipes. Serão aceitos trabalhos produzidos no certame regional e estadual, finalizados entre janeiro de 2012 e a data de inscrição. A ressalva para este ano é a seguinte: os filmes produzidos nas 22 cidades da região Nordeste devem respeitar o braço regional e não poderão se inscrever no estadual.

— A mudança foi no sentido de valorizar o certame regional, que foi a célula inicial do festival. Não é uma questão de diferenciar qualidade ou algo assim, apenas não gostaríamos de perder força no regional — explica o diretor artístico do CineSerra, Leandro Daros.

Confira as últimas notícias de Cultura e Tendências

Outra mudança pertinente no formato da premiação será a unificação das categorias ficção e documentário na maior parte dos troféus. Ou seja, documentários e ficções concorrerão aos mesmos prêmios (como direção, fotografia, roteiro, direção de arte, edição, trilha). A decisão fez o número de troféus diminuir de 40 para 30.

— Temos visto uma tendência geral nos festivais do Brasil de premiar documentários e ficções conjuntamente — justifica Daros, acrescentando que o prêmio de melhor filme, no entanto, permanecerá sendo entregue às duas categorias.

Entre as alterações a se comemorar nesta edição do CineSerra está a ampliação do festival para mais duas cidades. Agora, além de Caxias, Garibaldi e Bento Gonçalves, as vizinhas Flores da Cunha e Gramado ganham sessões. A programação também será ampliada no tempo, passa de uma semana para duas, entre os dias 22 de outubro e 1º de novembro.

Outra boa extensão do festival será nas escolas. Por enquanto, estão confirmadas sessões do CineSerra no Madre Imilda, La Salle Carmo, Escola Estadual de Ensino Médio Galópolis e Escola Municipal de Ensino Fundamental Santa Corona.

— Sempre nos preocupamos em criar novos públicos para o curta e o média-metragem, que não têm tanta visibilidade — aponta Daros, que divide a organização do CineSerra com o diretor operacional Claudio Troian.

Os já tradicionais workshops vão focar em questões bem técnicas este ano: direção de produção e edição. Os nomes dos palestrantes ainda não foram divulgados. A programação está disponível no blog do festival (cineserra.blogspot.com.br), assim como a ficha para inscrição dos filmes. A lista dos  selecionados será divulgada até a metade de setembro.
 
 

Siga Pioneiro no Twitter

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros