Artistas e familiares da Serra lamentam a morte de Maria Della Costa - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Repercussão25/01/2015 | 17h19

Artistas e familiares da Serra lamentam a morte de Maria Della Costa

Nascida em Flores da Cunha, a atriz faleceu sábado, aos 89 anos

Artistas e familiares da Serra lamentam a morte de Maria Della Costa Ver Descrição/Ver Descrição
Nas décadas de 1950 e 1960 ela encenou peças em Caxias no Cine Real, no Clube Guarani e no Cine Central. Foto: Ver Descrição / Ver Descrição

A Serra lamentou neste final de semana a perda de sua principal representante no teatro nacional. Nascida em Flores da Cunha, Maria Della Costa, 89 anos, faleceu sábado, vítima de complicações causadas por um edema pulmonar agudo. Estrela dos palcos e fora deles, a atriz é lembrada pela beleza, pelo talento e pela veia empreendedora.

Considerada uma das grandes damas do teatro nacional, encenou obras de Nelson Rodrigues, Arthur Miller e outros famosos dramaturgos — muitos deles pela primeira vez no país. Nos bastidores, teve presença tão marcante quanto nas peças, já que fundou um teatro e uma companhia referência em artes cênicas, lançando nomes como Fernanda Montenegro e Sérgio Britto.

Da Serra, saiu ainda criança, com cerca de cinco anos. Viveu em Porto Alegre até a adolescência, quando se mudou para o Rio de Janeiro para ser modelo e atriz, logo depois, convidada por Bibi Ferreira. Voltou para a região muitas vezes, seja para visitar os familiares, seja para se apresentar.

O ator e produtor cultural Roberto Ribeiro destaca que nas décadas de 1950 e 1960 ela encenou peças em Caxias no Cine Real, no Clube Guarani e no Cine Central. Pindura Saia e Armadilha para um Homem Só foram algumas das obras da época. 

— A Maria foi a primeira pessoa física a construir um teatro no país e foi uma pioneira do teatro profissional nacional, com seu talento e glamour. Ela era para o teatro o que Elizabeth Taylor foi para o cinema — avalia.

Maria Della Costa atuou também no cinema e em novelas da TV Tupi e da TV Globo. Nos últimos anos, vivia em Paraty (RJ), cidade em que chegou a manter a pousada Coxixo, vendida em 2011.

Viúva, Maria não teve filhos, mas deixa quatro irmãos que ainda vivem na Serra: Claudio, Nelson, Avani e Virginia. Virginia, de 86 anos, ressalta que Maria só deixou de vir à região nos últimos meses devido à saúde debilitada. A irmã lembra ainda que Maria nasceu Gentile Maria Della Costa Marchioro, mas usava só os nomes do meio "porque era mais fácil do pessoal saber falar direito":

— Ela era maravilhosa. Mesmo famosa, não tinha orgulho, não tinha luxo. Muito inteligente, lembrava de tudo, tinha uma memória ótima. Para mim, era a rainha do mundo.

PIONEIRO

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros