Terno de Reis de Canela é tema de documentário que busca financiamento coletivo - Colunas da 3por4 - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

3por422/07/2020 | 16h49Atualizada em 22/07/2020 | 16h49

Terno de Reis de Canela é tema de documentário que busca financiamento coletivo

Filme mostra tradição encabeçada pela família Seibt há 60 anos

Terno de Reis de Canela é tema de documentário que busca financiamento coletivo Rafael Cavalli/SerraPress / Divulgação/Divulgação
Obra já está gravada, mas precisa de finalização Foto: Rafael Cavalli/SerraPress / Divulgação / Divulgação

A devoção católica é uma marca da família Seibt, de Canela. Há pelo menos 60 anos, eles organizam o Terno de Reis, programação na qual irmãos, primos e amigos organizam serenatas com cantigas natalinas e religiosas na casa de vizinhos. A atividade faz referência à história bíblica dos três reis magos e seus pastores, que tradicionalmente cantavam versos para que as pessoas acolhessem a mensagem amorosa do Natal. 

O Terno de Reis da família se tornou tão tradicional em Canela que passou a integrar programações natalinas oficiais como o Sonho de Natal e o Natal Luz. Agora, essa história de mais de 60 anos irá virar documentário. Quem comanda a produção são os jornalistas Taís Seibt e João Henrique Bosco. A dupla registrou apresentações e entrevistas com integrantes e amigos do grupo entre 2019 e 2020. Com o material bruto em mãos, eles estão encabeçando uma vaquinha virtual para garantir a finalização do filme O Terno. A ideia é que o doc se torne um registro desse patrimônio cultural de Canela. Interessados em colaborar com a produção podem acessar a campanha por meio do site catarse.me/filmeoterno. As contribuições partem do valor de R$ 20. 

Abaixo, te mostramos o trailer da produção. Mais informações sobre o projeto estão nas redes do @ternodereis.familiaseibt.

Leia também
Exposição "Abertura" poderá ser conferida em ambiente digital a partir desta sexta
LGBT Conference Gramado terá 12 palestras online neste fim de semana
Ciro Fabres: falar é fácil 
Curta caxiense "Quando Só Há Palavras" aborda lutas sociais das mulheres
VÍDEO: Confira o clipe "Abelhinha", da dupla Gio e Doug
Lucio Yanel realiza live nesta quinta 
Studio de Danças Camila Oliveira, de Caxias, apresenta espetáculo inédito no dia 31 de julho
Protocolo limitará a quatro por veículo quantidade de pessoas em eventos drive-in em Caxias 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros