Sede da Guarda Municipal de Caxias recebe revitalização com grafite - Colunas da 3por4 - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

3por404/06/2020 | 15h35Atualizada em 04/06/2020 | 16h40

Sede da Guarda Municipal de Caxias recebe revitalização com grafite

Trabalho é assinado por Fábio Panone Lopes

Sede da Guarda Municipal de Caxias recebe revitalização com grafite Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Trabalho do grafiteiro propõe homenagem ao menino João Pedro, morto em operação policial no Rio Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

O grafiteiro caxiense Fábio Panone Lopes está deixando sua marca artística num prédio sede da Guarda Municipal, que fica no estacionamento da prefeitura de Caxias. Ele ficou contente porque o convite para realizar o grafite partiu da própria equipe da Guarda, que está se engajando de forma independente para pagar pelo trabalho. O espaço, ocupado pelo setor de Rondas Ostensivas Municipais (Romu), será entregue à comunidade até o final do mês. 

Leia mais
Fábio Panone Lopes é um dos artistas engajados no projeto  #socialvirus
Segunda etapa do maior mural a céu aberto de Caxias será entregue até terça-feira
Artista de Caxias conhecido por personagem Elichat reclama de abordagem da Guarda Municipal 

— Como o prédio estava abandonado, quisemos fazer um trabalho de inclusão social. Contratamos o Fábio, que é um especialista em grafite, para revitalizar o local fazendo o trabalho artístico. A ideia é que, além de um ponto de referência na área de segurança, seja um ponto de visitação e de acolhimento no Parque dos Macaquinhos — diz Ricardo Fugante Martins, responsável pelo grupamento da Romu. 

A ideia inicial era mostrar a figura do guarda como um anjo que zela pelos moradores de Caxias. Ligado no debate atual sobre as questões raciais, Panone sugeriu incluir na arte a figura do menino João Pedro, morto em operação policial no Rio. A inspiração também veio com a morte de George Floyd por um policial nos Estados Unidos. 

— Quis mostrar que o problema não é a farda, e sim quem a usa. Às vezes as pessoas se perdem no debate e generalizam — aponta Panone, do Studio Flop, que está realizando o grafite ao lado de Henrique Padilha.

Outra generalização contra homens de farda, conforme o artista, ocorreu em âmbito local, quando a Guarda Municipal prendeu o artista Lucas Leite por estar grafitando o espaço da Praça das Feiras, em 2019.

— A sociedade muitas vezes pensa que a Guarda é contra o grafiteiro. Mas quando a sensatez entra em questão é muito bacana. Os guardas que falaram com a gente aqui admiram demais o grafite e a cena em Caxias, mas eles também têm que cuidar do patrimônio — pondera o artista.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL, 04/06/2020 - O artista Fabio Panone colabora na pintura de um painel na nova sede da Guarda Municipal. O grafite do artista poderá ser visto numa casinha situada no segundo estacionamento da prefeitura, restaurada pelos servidores, responsáveis pelo setor de Ronda Ostensiva Municipal - ROMU. (Marcelo Casagrande/Agência RBS)<!-- NICAID(14515177) -->
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Leia também
Grupo Zingado apresenta duas atividades online neste fim de semana
Rafa Schuler faz live para lembrar dos tempos de Lucille Band
Marcado inicialmente para este sábado, retorno da Maria Fumaça de Bento é suspenso
André Costantin: MB Antifa
Festival de Cinema de Gramado é adiado para setembro, devido à pandemia de coronavírus
Escritora moçambicana Isabela Figueiredo participa de live caxiense nesta sexta
Conheça a coleção de Dia dos Namorados da grife caxiense Swan Intimates 

 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros