Campanha sugere que internautas se inscrevam nos canais de YouTube de artistas independentes - Colunas da 3por4 - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

3por430/03/2020 | 16h48Atualizada em 30/03/2020 | 16h48

Campanha sugere que internautas se inscrevam nos canais de YouTube de artistas independentes

Somente canais com mais de 1 mil inscritos são capazes de monetizar acessos

Campanha sugere que internautas se inscrevam nos canais de YouTube de artistas independentes Roni Rigon/Agencia RBS
Cardo Peixoto foi um dos que aderiu à campanha nas redes Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

Em tempos de shows caseiros e lives pipocando por aí – bálsamos para o período difícil que o mundo enfrenta – também tem ganhado espaço nas redes uma campanha muito válida para quem consome material disponível no Youtube. Internacionalmente chamada de YouFollowMeFollowYou, por aqui ela foi traduzida para “Sigamequeeutesigo”. O objetivo é incentivar que as pessoas não só consumam o material produzido pelos artistas independentes de sua cidade, região, país, como também se inscrevam nos canais de YouTube desses artistas. É que para entrar no grupo dos canais capazes de monetizar acessos é preciso ter, no mínimo, 1 mil inscritos. “Todos nós temos diferentes papéis e impactos nas redes sociais ao redor do mundo”, diz o texto da campanha compartilhado nas redes.

Em Caxias, um dos músicos que já se juntou à iniciativa é o compositor, cantor e violonista Cardo Peixoto.

– O YouTube limita bastante as possibilidades de trabalhar quando se tem poucos seguidores – justifica ele, à coluna.

Cardo comentou sobre um grupo público no Facebook (procure por Sigamequeeutesigo/YouFollowMeFollowYou) onde vários artistas têm compartilhado seus trabalhos, aproveitando também para colocar em prática a máxima do “se inscreve no meu que eu me inscrevo no seu”.

– A campanha vem dando resultado, está ampliando (os inscritos). Eu mesmo estou passando a trabalhar mais com o YouTube por conta disso, ao mesmo temo a gente vai conhecendo outros artistas, de outros países, a gente vai trocando informações – diz Cardo.

Neste momento em que a maior parte dos artistas (principalmente os pequenos) enfrenta dificuldades por conta do cancelamento de shows, a campanha ganha sentido ainda mais importante. Bóra se inscrever no canal de quem você admira nos palcos?

Leia também
Cinemateca Capitólio oferece programação virtual 
VÍDEO: novo clipe da banda Videogames celebra amor à moda antiga
Ouça o novo EP da banda Marenna  
Convocatória de Arte tem prazo prorrogado em Caxias
Bandas da Serra lançam material nas plataformas digitais
Canal do Instituto Quindim no YouTube oferece atividades lúdicas para crianças

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros