Fábio Panone Lopes tem grafite danificado em Caxias - Colunas da 3por4 - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

3por409/01/2020 | 09h37Atualizada em 09/01/2020 | 09h37

Fábio Panone Lopes tem grafite danificado em Caxias

Artista criou uma campanha para responder ao vândalo

Fábio Panone Lopes tem grafite danificado em Caxias Arquivo pessoal/Divulgação
Trabalho foi realizado no fim do ano, no barri Santa Catarina, e surgiu danificado nesta semana Foto: Arquivo pessoal / Divulgação

Nesta semana, o grafiteiro Fábio Panone Lopes (Flop) viveu uma experiência inédita com sua obra em Caxias do Sul, terra onde nasceu. Foi a primeira vez que uma tela assinada por ele foi alvo de vandalismo. O trabalho original (veja abaixo) foi realizado no fim de 2019 próximo à escola Santa Catarina, na esquina das ruas Angelo Chiarello com a Frei Pacífico. Na última terça, amanheceu pintado por alguém que provavelmente não gostou da arte.

Leia mais
VÍDEO: confira o processo de pintura do mural gigante no Centro de Caxias

– Uma pena que em 2020, logo quando completo duas décadas pintando, tenho que passar pela primeira vez por esse tipo de ocasião – lamentou o artista, que tem murais assinados em diversas partes do mundo.

Indignado com a atitude da pessoa que estragou o grafite, Panone iniciou uma campanha via Facebook e Instagram. A ideia é que o público sugira nos comentários frases endereçadas ao vândalo – respeitosas, é claro, mas a ironia está liberada. A participação pode ser feita até o dia 31 e, em fevereiro, Panone deve voltar ao espaço para escrever a frase eleita como a mais impactante. Além disso, o autor da frase escolhida ganhará uma obra exclusiva assinada pelo artista.

– Lancei essa campanha para, antes de refazer, ter uma frase para escrever lá também. Por respeito à arte e não à censura, não ao preconceito – defende Panone.

Grafite de Fábio Panone Lopes antes de ser danificado
Foto: Arquivo pessoal / Divulgação

:: Fim de semana será para continuar mural gigante na Garibaldi

Uma das obras mais expressivas de Fábio Panone Lopes em Caxias fica na Rua Garibaldi, num estacionamento localizado em frente ao McDonald’s. Com 280 metros quadrados, o mural foi realizado em parceria com o grafiteiro Henrique Padilha (Agapê) e inaugurado em junho. Neste fim de semana, a dupla de artistas estará no endereço novamente para pintar uma continuação do trabalho, em paredão que fica ao lado, com tamanho aproximado de 160 metros quadrados. 

– Lá seguiremos a temática da natureza e do caos que está acontecendo no mundo com ela: Amazônia, Austrália, etc. E sim, terá a presença dos guardiões com cara feia para a humanidade que está cada dia mais desinteressada na preservação do próprio habitat – adianta Panone, referindo-se ao tipo de personagem que costuma habitar suas obras e que, no bairro Santa Catarina, acabou sendo censurado.

Quem quiser conferir o trabalho de Panone e Padilha ao vivo, pode comparecer ali no estacionamento Triparking (na Garibaldi, entre a Sinimbu e a Os Dezoito do Forte), das 8h às 18h do sábado e do domingo. Se chover, o trabalho será transferido.  

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL (17/06/2019)Artista Fabio Panone Lopes grafita mural gigante em estacionamento de Caxias do Sul. (Antonio Valiente/Agência RBS)
Mural com 280 metros quadrados, pintado em 2019, ganhará continuação neste fim de semanaFoto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Leia também
Francês "Estaremos Sempre Juntos" abre programação 2020 na Sala Ulysses Geremia
André Costantin: crônica do progresso
Artistas de Caxias estão indicados aos prêmios Açorianos e Tibicuera de teatro 
VÍDEO: grupo Batom & Negócios realiza ação com mulheres inspiradoras da vida real
Artistas de Caxias, Gio e Doug ministram oficinas para a gurizada soltar a imaginação
Garibaldi ganha opção de Piquenique Orgânico

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros