Projeto Ciranda Arte Popular terá continuidade em 2020 - Colunas da 3por4 - Sete Dias: agenda cultural, shows, exposições e mais
 
 

3por416/12/2019 | 17h00Atualizada em 16/12/2019 | 17h00

Projeto Ciranda Arte Popular terá continuidade em 2020

Iniciativa oferece contato de estudantes com ritmos como maracatu, coco de roda, afoxé, cacuriá

Projeto Ciranda Arte Popular terá continuidade em 2020 Divulgação/Divulgação
Ações começaram em setembro Foto: Divulgação / Divulgação

Essa foto aí em cima representa um projeto muito legal aprovado no edital 2018 do Financiarte e que começou a ganhar forma em setembro. Ciranda Arte Popular é uma proposta do músico Tonico de Ogum e desenvolvida em parceria com a diretora artística e dançarina Vanessa Carraro. A intenção é iniciar a gurizada no universo dos ritmos e movimentos do folclore popular. Na lista estão manifestações como maracatu, coco de roda, afoxé, cacuriá, entre outros. Além do contato com a dança, as aulas também proporcionam a criação de instrumentos a partir de materiais recicláveis, aliando arte e sustentabilidade.

Neste ano, o Ciranda Arte Popular visitou as escolas São Caetano, Olga Maria Kayser e Rubem Bento Alves. Com atividades previstas até a metade do ano que vem, o projeto deve atingir ainda mais participantes. Também estão previstas seis apresentações que vão misturar dança e música, com participação de Dan Ferreti na voz e violão. 

Tonico, Vanessa e o Ciranda Arte Popular realizam um trabalho essencial de valorização a facetas da cultura brasileira pouco exploradas por aqui.

Leia também:
Imortal aos 18: conheça o mais jovem presidente na história da Academia Caxiense de Letras
Designer Julia Webber ministra curso online sobre tendências
Na Cozinha: jantar simples e sem estresse? Faça abobrinha gratinada
Grupo de Teatro Atemporal cria vaquinha para filmar minissérie


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros